18.4 C
Belo Horizonte
quarta-feira, 7 dezembro 2022

Renova Excursão

Enchente atinge carros e alaga rodoviária em Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto

Uma chuva forte gerou grandes enchentes em Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto, na tarde desta segunda-feira, 18 de outubro. A Defesa Civil emitiu um comunicado que ainda está prestando apoio à população atingida pelas fortes chuvas da tarde de hoje. A tromba d’água que atingiu a região do distrito registrou em pouco tempo aproximadamente 200mm de chuva.

O Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Prefeitura de Itabirito e empresas como, Pedreiras irmãos Machado e Ferro Puro foram acionadas pela Prefeitura de Ouro Preto e estão mobilizadas para dar suporte à população. Já no início das chuvas, três esquipes foram deslocadas para atendimento das ocorrências e estão vistoriando os locais atingidos como ruas, casas e comércio.

Ainda, de acordo com o comunicado da Defesa Civil, o trabalho vem sendo desenvolvido desde as 16h30 na região e pessoas que se encontram ilhadas em Amarantina já estão sendo resgatadas. Além disso, a Secretaria de Saúde enviará uma equipe de vigilância e infectologia para acompanhamento de possíveis contaminações relacionadas a enchente. Abrigos, cobertores e alimentos também estão sendo providenciados para atender a população neste momento.

Moradores registraram carros ficando presos em meio ao centro da cidade. Veja:

Reprodução/WhatsApp
Reprodução/WhatsApp
Reprodução/WhatsApp
Reprodução/WhatsApp
Enchente na Avenida Pedro Aleixo / Reprodução/WhatsApp

Estrago na rodoviária

A forte chuva também evidenciou algumas falhas de infraestrutura da rodoviária de Cachoeira do Campo. Vários lugares do telhado estão furados e o chão ficou completamente sujo e molhado. O vereador Júlio Gori (PSC) registrou o estado do local nesta segunda-feira. Veja:

Reprodução/Júlio Gori
Reprodução/Júlio Gori

A Prefeitura de Ouro Preto informou que uma árvore caiu sobre a rede elétrica do Complexo de Saúde de Cachoeira do Campo e, portanto, os atendimentos de urgência e emergência estão temporariamente suspensos. O Município orienta que, em caso de necessidade de atendimento, que a UPA da cidade seja procurada através do telefone (31) 3559-3131.

O comunicado da prefeitura diz ainda que nesta terça-feira, 19 de outubro, a Secretaria de Saúde e Obras avaliarão a situação do prédio para providenciar os devidos reparos.

Matéria em atualização*

Você pode gostar também:

RECENTES

Veja também sobre: