O que você procura?


Ouro Preto registra primeiro óbito de vítima com coronavírus

Rodolpho Bohrer 16 de maio de 2020 às 16:11
Tempo de leitura
3 min

Na noite de sexta-feira (16), ocorreu o primeiro óbito de uma vítima com coronavírus de Ouro Preto. A vítima era moradora do distrito de Antônio Pereira, de 46 anos, sem registro de comorbidades.

Segundo o secretário de Saúde, Paulo Xavier, o homem passou mal subitamente e recorreu ao serviço de saúde de Mariana, onde ele passou por um teste rápido, cujo resultado foi positivo para o novo coronavírus.

O secretário ainda disse que o homem foi a óbito muito rápido a partir da manifestação do sintoma, sem citar qual, de que o levou para ser atendido por uma unidade de saúde.

16/05/2020 – Edição 59 – Boletim sobre coronavírus em Ouro Preto

? Boletim oficial da Prefeitura de Ouro Preto do dia 16 de maio (sábado).⚠️ Fique em casa e se sair USE MÁSCARA! ? O uso de máscaras diminui a presença do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no ambiente.? Quer receber informações sobre o Coronavírus pelo WhatsApp? É só clicar ? https://bit.ly/coronavirusouropreto

Posted by Prefeitura de Ouro Preto on Saturday, May 16, 2020

Pelas redes sociais, o prefeito Júlio Pimenta reforçou o pedido de isolamento social e o uso de máscaras, para que a cidade possa contar a curva de contágio e assim possa fazer com que o sistema de saúde não se sobrecarregue. O prefeito ainda informou que o município está bem estruturado, com leitos de UTI, sistema de oxigênio e respiradores, e aqueles que precisarem de atendimento, que sentirem tosse seca, falta de ar ou febre alta, devem se dirigir ao hospital de campanha, localizado na antiga fábrica de tecidos.

LEIA TAMBÉM:  Com furtos e depredação, Mariana sofre com atos de vandalismo

Além de óbito, Ouro Preto tem também 14 casos em investigação, à espera do resultado de exames da Funed. 64 casos notificados testaram negativo para a doença.

→ ERRATA: ainda não se sabe se a vítima era assintomática ou se a Covid-19 foi a causa da sua morte. Por enquanto, as informações são que o homem foi levado para a unidade de saúde após apresentar um problema respiratório, a princípio um engasgo, e que o teste rápido testou positivo para o novo coronavírus. Por isso, a informação publicada anteriormente de que ele teria morrido por coronavírus é inconclusiva, não podendo assim ser tratada como causa da morte, até o momento.