19.5 C
Belo Horizonte
terça-feira, 27 setembro 2022

ALE Combustíveis oferece vagas de emprego e estágio para atuação em cinco estados

Oportunidades são para trabalhar em cinco cidades brasileiras: Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Natal (RN), Goiânia (GO) e São Luís (MA)
Portal Mais MinasOportunidades790 vagas na Gerdau em Minas Gerais

790 vagas na Gerdau em Minas Gerais

Para aumentar a empregabilidade e acelerar a qualificação profissional nas regiões onde opera, a Gerdau, em parceria com o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) lança, nesta segunda-feira (15), uma nova fase do programa Aprimorar, no museu MM Gerdau, em Belo Horizonte. Na ocasião, foi assinado o protocolo de intenções entre as partes envolvidas no desenvolvimento do programa.

O grande diferencial da iniciativa é o envolvimento de fornecedores da empresa no ecossistema dos treinamentos e contratações a partir da inclusão voluntária de cláusulas de investimentos sociais.

Para marcar esta etapa do programa, serão abertas 790 vagas nos municípios de Ouro Branco (MG), onde fica a maior Usina da Gerdau no mundo, Congonhas (MG) e Conselheiro Lafaiete (MG), até novembro. A projeção de efetividade na Gerdau e parceiros é de cerca de 90% dos alunos.

Com a meta de viabilizar a nova fase do Aprimorar, entre novembro de 2021 até o momento, foram desenvolvidos projetos piloto em Divinópolis e Ouro Branco, com um total de 120 pessoas nos cursos de capacitação. Mais de 1.200 pessoas se inscreveram, dado que demonstra a necessidade de ampliação do programa e a vontade da comunidade em participar das qualificações.

A próxima etapa prevista para os próximos meses é a expansão estruturada do programa a nível nacional nas cidades onde a Gerdau possui operações, nos estados do Ceará, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e São Paulo.

De acordo com Flávia Souza, diretora global de Suprimentos da Gerdau, existe uma grande carência de profissionais no mercado da região. “Neste momento, é importante unir forças para suprir a demanda por qualificação e contratação de pessoas. A ideia é sair de ações isoladas e conectar a Gerdau a parceiros e aos municípios para gerar emprego e renda e o desenvolvimento socioeconômico de forma estruturante. Um benefício sustentável mútuo que vira um legado definitivo. Com certeza, a soma das nossas ações será exponencialmente maior que uma iniciativa isolada”.

Segundo Caroline Carpenedo, diretora Global de Pessoas e Responsabilidade Social da Gerdau, este é mais um passo a caminho do cumprimento da agenda ESG da maior produtora brasileira de aço, na estruturação de uma pauta coletiva com os fornecedores. “Estamos inserindo cláusulas de investimento social de um percentual das nossas contratações, em que o fornecedor se compromete a investir na região do serviço, criando um modelo de impacto social em escala e perene. Sendo assim,o Aprimorar se conecta integralmente com os princípios da Gerdau e se soma a ações que desenvolvem a diversidade e a inclusão”.

Para Danubia Clemente, diretora Gerente do Sesi e Senai Ouro Branco, o Programa Aprimorar é um projeto assertivo e completo, pautado em parcerias bem-sucedidas de longa data. “O projeto tem estratégias excelentes de customização, operacionalização e acompanhamento dos resultados e da qualidade, bem alinhados ao propósito de garantir desenvolvimento social através da preparação profissional da comunidade local, coerentes com as demandas da indústria. Isso, além dos ganhos indiretos na melhoria nas questões de cunho econômico e social”.

Investimentos em alta

A iniciativa se dá em um momento de aportes robustos em Minas Gerais. O ano passado, a companhia anunciou um plano de investimentos de R$ 6 bilhões para o Estado, destinados à ampliação da produção, à modernização tecnológica e à sustentabilidade, a ser executado até 2026. Grande parte deste valor será voltado para a usina Ouro Branco. O plano deve gerar 6 mil novos postos de trabalho em todo o Estado. Assim, surge ainda mais a necessidade de ampliar a empregabilidade nos municípios com a colaboração dos parceiros e a expertise do Senai e do Sesi.

O curso

Serão oferecidas, de agosto e dezembro, 790 vagas para município de Ouro Branco, Conselheiro Lafaiete e Congonhas (MG).

Totalmente gratuito, os cursos terão modalidade de “Iniciação profissional” e “Aperfeiçoamento”, com cargas horárias entre 44 a 232 horas, em turnos variados, manhã, tarde e noite. As aulas serão virtuais e presenciais, de qualificação bem diversa, como construção civil, sistemas elétricos industriais, fundamentos da soldagem, manutenção mecânica industrial, rotinas administrativas entre outras. A formação conta com a qualidade dos treinamentos industriais do Sesi e do Senai.

Serviço Programa Aprimorar- Ouro Branco (MG) e região

Ouro Branco

Inscrições: De 16 a 19 de agosto

Horário: 9h as 12h -13h30 as 17h e 18h30 as 21h

Local: SENAI Ouro Branco (Avenida Macapá 177, bairro Luzia Augusta)

Vagas: 220 vagas

Áreas: Soldagem, Mecânica e Gestão com cursos de iniciação e aperfeiçoamento

Carga horária: De 40 a 232 horas

Conselheiro Lafaiete

Inscrições: 18 e 19 de agosto

Horário: de 8h as 17h

Local: sede do Tiro de Guerra (Rua Marechal Deodoro n2, bairro Santa Matilde)

Vagas: 300

Áreas: Mecânica Industrial, Elétrica Industrial, Construção Civil com cursos de iniciação e aperfeiçoamento

Carga horária: de 40 a 232 horas

Congonhas

Inscrições: 15 e 16 de setembro

Horário: 8h as 17h

Local: sede do Sine avenida Julia Kubitscheck, 1454, Centro, Congonhas.

Vagas: 270

Áreas Elétrica Industrial, Construção Civil com cursos de iniciação e aperfeiçoamento

Carga horária: de 40 a 232 horas

Mais Informações: e-mail [email protected] ou nos telefones: (31) 3741 4114 (31) 98872 1517

Você pode gostar também:

RECENTES

Veja também sobre: