NotíciasPlantão PolicialPolícia Militar

Pai mata ex-companheiro da filha que a ameaçava de morte

Polícia apreendeu a arma usada no crime e celular da vítima.

Nesta terça-feira (08), um caso chocou a população de Praia Grande, litoral de São Paulo. Elton Gomes da Silva, de 36 anos foi morto com dois tiros pelo pai de sua ex-companheira, Edson Claro de Almeida, de 52 anos.

Segundo informações da Polícia, tudo começou quando Elton aguardada a ex na porta de sua residência, e ao chegar, a mulher foi obrigada por ele a entrar no imóvel. Em seguida, Elton pegou uma faca e começou a ameaça-la de morte.

A vítima tentou acalmar Elton e disse que iria tomar um banho. Chegando no banheiro, ela enviou mensagem para o pai contando que estava sendo ameaçada. Porém, ao sair do banho, ela foi agredida por Elton com socos na cabeça.

Minutos após enviar a mensagem, o pai da vítima chegou no local. Ao entrar na casa, Edson, pai da vítima de ameaça e agressão, começou a ser agredido por Elton. Neste momento segundo a polícia, o Edson sacou uma arma da cintura e disparou contra o ex-genro.

Elton foi atingido no adomem e caiu no chão em seguida. O pai da vítima disparou mais um tiro contra Elton e fugiu. A filha contou à polícia que há cerca de dois anos havia terminado o relacionamento com Elton, porém, ele não aceitava o fim e por isso a ameaçava.

Peritos estiveram no local e recolheram o celular da vítima, que segundo ela foi, quebrado por Elton, além da arma usada para cometer o homicídio.

O Samu chegou a socorrer o homem, porém ele não resistiu e morreu.

A Delegacia de Polícia de Praia Grande está responsável por apurar o caso. Até o momento ninguém foi preso. Segundo a delegacia, o caso envolve diversos crimes, sendo homicídio, ameaça, violência doméstica e injúria.

Deixe seu comentário

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar