Qual a chance do Atlético terminar o ano no G-4?

Por Davi Guimarães
0 comment

Com grande expectativa desde o início da temporada, o objetivo inicial do Atlético era brigar por todos os títulos da temporada, assim como no ano mágico de 2021.Porém, por conta de alguns meses muito abaixo técnicamente, a esperança em empilhar troféus se transformou em indignação por parte da torcida.

Qual a chance do Atlético terminar o ano no G-4?
Foto: Pedro Click / Atlético / Flickr

Ainda sob comando de Eduardo Coudet, o nível de futebol do Galo caiu muito em comparação ao início da temporada, culminando na demissão do argentino no dia 11/06, após o empate diante do Bragantino, pela 10ª rodada do Brasileirão.

Cinco dias depois, a diretoria alvinegra anuncia Luiz Felipe Scolari para comandar a equipe até o fim de 2024. Com um início muito instável no Brasileirão e na Libertadores, o Galo perdeu força e foi parar no meio da tabela, brigando para entrar no grupo dos 6 primeiros, algo impensado no planejamento do início do ano.

Virada de Chave

Após a derrota no clássico diante do Cruzeiro, a equipe conseguiu retomar o bom futebol do início da temporada e iniciou uma grande arrancada. Há 6 partidas sem perder, o Atlético está na sexta colocação (6 pontos a frente do sétimo colocado, Athletico Paranaense) e mira uma posição melhor nessa reta final de campeonato para conseguir a vaga direta na fase de grupos do próximo torneio continental.

Brasileirão é tão disputado que muitos já mudam suas previsões nessa reta final de campeonato.

Chance de G-4 já nessa rodada

Se vencer o Grêmio no próximo domingo (26), o Galo pode terminar a 35ª rodada entre os 4, mas para isso precisará torcer pelo tropeço de Red Bull Bragantino, que enfrenta o Internacional no Beira-Rio, ou Flamengo, que também joga fora de casa, diante do já rebaixado América Mineiro.

Após o confronto direto contra o Grêmio, na Arena MRV, o time de Felipão tem mais uma decisão contra um time da ponta da tabela. Desta vez, o Flamengo no Maracanã, na próxima quarta-feira (29). Em seguida, o Galo enfrenta o São Paulo, em casa, e fecha o campeonato na Arena Fonte Nova diante do Bahia, que briga contra o Z-4.

Galo se prepara para enfrentar o Grêmio no próximo domingo (26)

Trunfo no ataque

Para dar prosseguimento à boa fase, Felipão conta muito com a dupla Hulk e Paulinho. O camisa 10, que acabou de retornar da seleção, é o artilheiro do Brasileirão com 17 gols. Hulk aparece logo atrás de Tiquinho e Luis Suárez, com 13 gols marcados na competição.

Dos 43 gols marcados pelo Atlético no campeonato, 30 saíram dos pés da dupla. Nessa reta final, eles serão peças fundamentais para ajudar o Galo a conquistar o seu objetivo no campeonato.

Ao lado de Paulinho, Hulk é o artilheiro do Atlético na temporada com 28 gols. Foto: Pedro Souza / Atlético
Comentários Facebook

leia também:

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você concorda com isso, mas você pode cancelar se desejar. aceitar LER MAIS