UFOP suspende pedidos de bolsa socioeconômica e reduz seu orçamento

Por

A Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) publicou, nesta última terça-feira (10), uma portaria que suspende, por tempo indeterminado, o recebimento de novos pedidos de avaliação socioeconômica dos estudantes de graduação e pós graduação da Universidade. A medida se deve aos cortes orçamentários anunciados pelo Ministério da Educação, em abril deste ano.

O documento foi divulgado pela Pró Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis (PRACE) e considera o Projeto de Lei Orçamentária para 2020, enviado para o Congresso Nacional.

Para os estudantes que já ingressaram na Universidade a partir do segundo semestre de 2019, há a possibilidade de apresentação do pedido de avaliação socieconômica, sendo entregues até o dia 20 de setembro. O mesmo inclui aos bolsistas ingressados na Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis (PRACE) com vencimento até 31 de dezembro de 2019.

Não será alterada a situação dos estudantes que já ingressaram nas bolsas da PRACE, que possuem avaliação socioeconômica vigente.

Nota da Reitoria

A Reitoria da UFOP publicou na última sexta-feira esclarecendo que o continuamento de suas atividades continuam em risco, podendo inclusive deixar de funcionar ainda em 2019. Isso devido ao bloqueio de R$ 20,8 milhões dos R$ 65,6 milhões destinados à Instituição. A Universidade diz estar cumprindo parcialmente com seus compromissos e que não não há qualquer segurança para o mês seguinte.

Em seu orçamento, 30% continua bloqueado, tendo o valor liberado correspondente a 65% do previsto. Para o mês de setembro, R$ 3,8 milhões foram disponibilizados, faltando 5% para a tingir o crédito disponível que é de 70%. E ainda, a reitoria disse que a instituição pode fechar o ano com um déficit de R$ 12 milhões caso não haja reversão do quadro. Com essa situação, o Projeto de Lei Orçamentária para 2020 deverá apresentar uma redução maior, chegando a 40%.

  • Matéria escrita com colaboração de Rômulo Soares

Tags : , , , , , , , ,

Postado em 11 de setembro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.