Take a fresh look at your lifestyle.

Cachoeira do Brumado se prepara para a 13ª Festa da Panela de Pedra

O distrito recebe atrações culturais entre os dias 12 e 15 de julho

Cachoeira do Brumado, distrito de Mariana, mais uma vez, será palco das tradições, gastronomia mineira e atrações culturais entre os dias 12 e 15 de julho. Isso porque a comunidade realiza a tradicional Festa da Panela de Pedra, que chega em sua 13ª edição.

De acordo com um dos organizadores do evento e membro da Associação de Moradores, Evanicio Ramos, a primeira festa da panela foi realizada para, além de oferecer um momento de lazer, divulgar o local e a cultura. “Queríamos trazer os turistas para conhecerem Cachoeira do Brumado e as riquezas do distrito, como a panela de pedra e o tapete de sisal, fonte de renda para muitas famílias. O evento propicia isso”, afirmou.

Para essa edição, o prefeito Duarte Júnior repassou R$ 68 mil para a Associação de Moradores realizar o evento. “Sabemos o quanto a Festa da Panela de Pedra é importante para a comunidade. Além de divulgar as riquezas do distrito, ela atrai um número muito grande de turista. Isso é bom para a economia local. O artesão vende, o comerciante vende e as pousadas ficam cheias”, afirmou o prefeito Duarte Júnior.

A Festa da Panela acontece sempre no mês de julho e devido sua proporção recebe apoio da Prefeitura de Mariana, passando a fazer parte do Calendário Oficial de Eventos do município.

COMO CHEGAR – Saindo da rodoviária de Mariana, sentido a Ponte Nova, basta percorrer 19 quilômetros e entrar à direita, em um trevo sinalizado com o nome do distrito.  Em seguida, percorra mais 8 quilômetros até a Praça João Ramos, onde será o evento. A estrada é estreita e bastante sinuosa.

CONHEÇA O DISTRITO – Cachoeira do Brumado registra um grande legado histórico, sobretudo no artesanato e na arte, que extrapola os limites do município de Mariana e região. Os artigos feitos em pedra-sabão, madeira, pita e sisal, objetos de apreciação e comercialização dentro e fora da comunidade, são preparados de maneira artesanal e tem um acabamento primoroso.

Quem visita o distrito, além de levar um pouco da história e da cultura dos cachoeirenses, pode se divertir com a família e amigos na famosa queda d’água de 14 metros de altura. Bem próximo da queda d’água há o Memorial dos Tropeiros, um espaço criado para relembrar a história de homens que viajavam por dias no lombo dos burros levando as panelas fabricadas com a pedra-sabão. Construída de pau a pique, a casa possui diversas peças que retratam os usos e costumes daquela época, além de fotografias dos tropeiros e paneleiros do distrito.

12 de julho (quinta-feira):
19h – Missa
21h – Encontro de Sanfoneiros
00h – Dener

13 de julho (sexta-feira):
20h – Culto Evangélico
22h – Abertura Oficial
23h30 – Show com Talis e Welinton

14 de julho (sábado):
11h – Abertura do Restaurante
14h – Pedro Chaves
15h – Oficina de Capoeira
16h – Juninho Santos
18h – Mayara Rodrigues
19h – Quadrilha das Mamonas
21h – Homenagem a Mário Ramos
22h – Show Silvani Monte Negro
00h – Show com Gutto Campelo

15 de Julho (domingo):
9h – Retreta com as Sociedades Musicais Oito de Dezembro, de Cachoeira do Brumado, e Nossa Senhora da Conceição, de Furquim
14h – Tomas
16h – Carla Sceno
16h – Congado da Barroca
18h – João Carlos e Thiago
20h – Quadrilha Acaiaca
22h30 – Chama Chuva

Fonte: Eliene Santos / Prefeitura Municipal de Mariana

Leia também: Circuito do Ouro realiza grandes eventos que oferecem entretenimento e diversão aos visitantes