Meio AmbientePatrimônioSão Roque de Minas

5 motivos para conhecer São Roque de Minas, a “capital” da Serra da Canastra

Localizada no sudoeste mineiro, a cidade de São Roque de Minas é parada obrigatória para quem quer explorar o exuberante Parque Nacional da Serra da Canastra. Contando com duas portarias do parque e uma boa oferta de serviços, o lugar ficou conhecido como “capital” da Canastra.

Com uma paisagem que reúne cenários típicos de cerrado com campos rupestres e vegetação de Mata Atlântica, o município tem clima rural e diversos atrativos para conhecer em um roteiro de pelo menos três dias.

Foto: Divulgação/Assimptur
Foto: Divulgação/Assimptur

A seguir, selecionamos cinco (dos inúmeros) motivos para fazer uma viagem ao destino. Confira:

Cachoeiras

As cachoeiras, assim como os queijos, são símbolo dessa região. No Parque Nacional existem cerca de 30 quedas catalogadas – algumas com acesso liberado, outras disponíveis somente para contemplação – de diferentes formatos e tamanhos.

Foto: Divulgação/Assimptur

A mais famosa é a Casca d’Anta, com 186 metros de altura, listada entre as maiores quedas livres do Brasil. Para admirá-la, é possível fazer dois roteiros: o primeiro, pela parte baixa do parque, tem uma trilha de cerca de um quilômetro até seu poço. De lá, é possível observar bem de perto toda a abundância da queda formada pelas águas do rio São Francisco; já a rota da parte alta oferece vista para o cânion por onde o rio desce a serra, além de um mirante de onde é possível avistar parte da queda principal e algumas piscinas naturais.

Bem próximas de São Roque de Minas também estão as cachoeiras da Chinela – com uma queda de 30 metros -, a do Cerradão – com 200 metros de altura e três quedas formando um poço fundo -, Rolinhos, Capão Forro e Poço das Orquídeas.

Queijo Canastra

São Roque de Minas concentra também o maior número de produtores do famoso queijo da Canastra. O produto, que já se tornou Patrimônio Cultural Imaterial pelo IPHAN, faz parte da cultura, história e tradição local e rende um roteiro delicioso. A maioria das fazendas produtoras está abrindo suas porteiras para receber turistas e apresentar todo o processo de fabricação da iguaria.

Foto: Divulgação/Assimptur

Por meio da APROCAN – Associação dos Produtores de Queijo Canastra, as queijarias da cidade estão se organizando em uma rota especial para contar a história desse que é um dos produtos mais legítimos da gastronomia mineira.

Algumas das principais queijarias da cidade são:

Queijaria Roça da Cidade

Uma das pioneiras da região, comandada por João Leite, a fazenda consegue unir tradições e modernidade em um local privilegiado na Serra da Canastra, ao lado do Parque Nacional que possui via de fácil acesso, com vista panorâmica da serra. Durante o passeio, o visitante aprenderá com o proprietário como são feitos os processos e a produção dos queijos, além de poder degustar os produtos no local e comprar queijos para levar para presentear ou para consumo próprio.

Fazenda Capão Grande

Localizado aos pés da Canastra em meio a uma mata preservada, a fazenda comandada pelo casal Solange e Carlos Henrique é uma das principais responsáveis pela produção de queijos local, além de possuir uma encantadora piscina de água natural. Os visitantes podem se deliciar com um típico café da tarde mineiro recheado de bolos, biscoitos, café, leite, suco, pão de queijo, e claro, o famoso Queijo da Canastra.

Estância Capim Canastra – Queijo do Guilherme

Administrada pelo veterinário Guilherme Ferreira, quinta geração de uma família de produtores de queijo de leite cru, a Capim Canastra já foi premiada na França, graças à qualidade de seus produtos. Com uma estrutura que vem aumentando, a queijaria conta com cave para afinação de queijos, ambiente para recepção de convidados e vivência além de eventos, como o Festival de Balão da Canastra.  Da produção da fazenda saem quatro tipos de queijos diferentes, com maturações e apresentações distintas.

Nascente do Rio São Francisco

O Parque Nacional da Canastra abriga, ainda, a nascente de um dos mais importantes cursos d’água do Brasil: o Rio São Francisco. O velho Chico, como é conhecido popularmente, passa por cinco estados brasileiros e tem como berço a cidade de São Roque de Minas.

Foto: Divulgação/Assimptur

A histórica nascente está localizada na parte alta do parque, na mesma rota que tem como atrativos a Casca d”Anta e o Curral das Pedras.

Esportes de Aventura

Além do ecoturismo, a Canastra também é palco de turismo de aventura. Por lá, é possível elevar a adrenalina ao máximo para explorar toda a natureza ao redor do parque. São atividades como rapel, boia-cross, canionismo, cicloturismo, moto cross, passeio de balão, quadriciclo e muito mais.

Gastronomia

A gastronomia mineira é um capítulo à parte em todo o Estado. E na Canastra não poderia ser diferente. Com o melhor da comida de fazenda, cheia de história e preparada com todas aquelas tradições de família, São Roque de Minas é um verdadeiro paraíso para experimentar os sabores locais. Do café da manhã, com muito pão de queijo, biscoito de polvilho e bolos caseiros, passando por delícias exóticas como um ceviche de jiló no almoço e peixe e carne ao molho do típico queijo canastra, o que não faltam são fartas opções para se deliciar.

Estando na cidade vale a pena provar também o famoso pão de queijo com carne de lata, servido, inclusive, na praça da igreja.

Onde ficar

O Hotel Chapadão da Canastra é a opção ideal para curtir um roteiro completo na região. Unindo o rural e o urbano, com estrutura de hotel e aconchego de pousada, o empreendimento ocupa um terreno de cinco mil metros quadrados onde mais da metade é composta de exuberantes jardins que chamam a atenção de seus visitantes.

Localizado à margem do Rio do Peixe, é possível encontrar ainda, pequenos animais silvestres e diversas espécies de pássaros.  São 24 apartamentos com uma área de 25 metros quadrados, com banheiro completo, com frigobar, TV LED 32’, telefone, ventilador e ar condicionado, além de varandas com vistas da exuberante serra e do bosque que margeia a propriedade.

Para o lazer o hotel oferece: piscina adulto e infantil, hidromassagem aquecida e barzinho, além de salão de jogos, loja de artesanatos, lavanderia, videoteca, lan house e wi-fi. Para conhecer melhor a região, o Chapadão da Canastra disponibiliza veículos 4X4 para passeios nos melhores e mais procurados roteiros da Serra da Canastra.

Mais informações: chapadaodacanastra.com.br

Facebook Comentários

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios