Take a fresh look at your lifestyle.

América perde para o Inter no Sul, e se complica ainda mais no Brasileirão

Na estreia do técnico Givanildo Oliveira, o América foi ao Sul do Brasil e perdeu para o Internacional pelo placar de 2 a 0, em duelo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Coelho estaciona na vice-lanterna da competição, com apenas 34 pontos.

Melhores momentos do jogo

Internacional e América se enfrentaram essa última quinta-feira (15/11), no estádio Beira-Rio, Rio Grande do Sul, às 21h, e para esse confronto, as equipes jogaram com as seguintes formações:

INTERNACIONAL – Marcelo Lomba; Fabiano (Zeca), Moledo, Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson e Patrick; Nico López, Wellington Silva (Rossi) e Leandro Damião (Jonatan Álvez). Técnico: Odair Hellmann.

 

AMÉRICA – João Ricardo; Norberto, Matheus Ferraz, Ricardo Silva e Carlinhos; Leandro Donizete (Juninho), Zé Ricardo e Gerson Magrão (Giovanni); Ademir (Robinho), Luan e Rafael Moura. Técnico: Givanildo Oliveira.

Primeiro tempo – O primeiro lance de perigo foi para os donos da casa. Aos 7 minutos, Nico López fez bom cruzamento na cabeça de Leandro Damião, que mandou a redonda em direção ao gol, mas esperto, João Ricardo conseguiu espalmar e, no rebote, Edenílson bateu cruzado, mandando a bola para fora do gol. Já aos 23 minutos, após muita pressão, o time gaúcho conseguiu abrir o placar, com gol de Leandro Damião. No lance, Edenílson fez bom lançamento rasteiro no meio da zaga e encontrou Leandro Damião sozinho dentro na área, o atacante esperou a saída do goleiro para chutar firme e balançar a rede, fazendo 1 a 0 para o Internacional.

Com 33 minutos, o América criou uma boa chance em cobrança de escanteio. Gerson Magrão fez cobrança fechada, obrigando Marcelo Lomba a sair do gol e dar um tapa na bola, mandando para a linha de fundo. Dois minutos depois, Carlinho foi amarelado. Aos 45 minutos, os gaúchos ampliaram o placar, com gol de Edenílson. Na jogada, retribuindo a assistência do volante no primeiro gol, Leandro Damião fez bom lançamento rasteiro no meio da zaga e encontrou Edenílson na entrada da grande área, o jogador avançou e bateu na saída de João Ricardo que, de novo, nada pôde fazer: 2 a 0 para o Internacional. Placar da primeira etapa, que foi encerrada aos 48 minutos.

Segundo tempo – Para a segunda etapa os times voltaram com as mesmas formações e, aos 3 minutos, Rafael Moura foi punido com cartão amarelo, por fazer falta em Rodrigo Moledo. Com 9 minutos, o Coelho criou aquela que foi sua melhor jogada, até então, na partida. No lance, Rafael Moura recebeu a redonda dentro da área e chutou forte, obrigando Marcelo Lomba a se esticar todo para conseguir tocar na bola, que ainda acertou a trave antes de sair para fora. Aos 17 minutos, Givanildo promoveu a primeira substituição no time do América. Giovanni ganhou a vaga de Gerson Magrão.

Com 18 minutos, Nico López tocou para Rossi que mandou para o fundo da rede de João Ricardo, mas a arbitragem marcou impedimento no lance. Aos 24 minutos veio a segunda substituição no Coelho. Leandro Donizete deu lugar para Juninho no meio de campo. Já aos 38 minutos, foi feita a última substituição pelo time do América. Robinho entrou no lugar de Ademir no ataque. A partida seguiu e, aos 47 minutos, o juiz apitou pela última vez na partida. Placar final: Internacional 1, América 0.

Com a derrota, o América se complica ainda mais na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, estacionando na vice lanterna, com 34 pontos. Já o Internacional, permanece na segunda colocação, com agora 65 pontos, 5 a menos que o líder Palmeiras, que chegou aos 70 pontos, após vencer o Fluminense por 3 a 0 na última quarta-feira (14/11).

Close