Take a fresh look at your lifestyle.

Atlético sofre gol nos últimos minutos e perde para a Chapecoense

Em jogo tecnicamente ruim e com poucas chances criadas, Atlético sofre gol já nos últimos minutos e perde para a Chapecoense por 1 a 0 fora de casa.

Chapecoense e Atlético se enfrentam na tarde desse sábado (06/10), na Arena Condá, em Chapecó. E para essa partida, válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro, as equipes atuaram com as seguintes formações:

Chapecoense – Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas, Bruno Pacheco, Elicarlos (Amaral), Barreto, Diego Torres (Yann Rolim), Doffo, Leandro Pereira e Vinícius (Bruno Silva).

Técnico: Guto Ferreira.

Atlético – Victor; Emerson, Leonardo Silva, Gabriel, Fábio Santos, José Welison, Matheus Galdezani (David Terans), Elias, Luan (Leandrinho), Chará (Tomás Andrade) e Denilson.

Técnico: Thiago Larghi.

Melhores momentos do jogo entre Atlético e Chapecoense

Primeiro tempo – A primeira oportunidade com um pouco mais de perigo no jogo, aconteceu aos 9 minutos. Elias recebeu na entrada da área e chutou forte, mas acabou mandando a bola por cima do gol de Jandrei. Com 14 minutos, Luan cobrou escanteio fechado, e a bola sobrou para Gabriel na pequena área. O zagueiro tentou desviar, mas Jandrei conseguiu fechar o ângulo para salva a Chapecoense de levar o primeiro gol na partida.

Já aos 30 minutos, Fábio Santos fez cruzamento fechado, Jandrei saiu do gol para cortar a bola e, em sequência, acabou trombando com Bruno Pacheco, os dois jogadores ficaram no chão. O juiz mandou a partida seguir. Denilson ficou com a bola, mas acabou chutando em cima de Douglas, sem levar muito perigo. E em seguida, Luiz Flávio de Oliveira pausou o lance para atendimento aos jogadores da Chape.

O jogo seguiu, até que, aos 49 minutos, o juiz apitou fim de primeiro tempo. Placar: 0 a 0.

Segundo tempo – Para a segunda etapa, o Atlético voltou com a mesma formação. Mas a primeira chance foi para a Chapecoense. No primeiro minuto, Bruno Pacheco cruzou na medida para Bruno Silva, que cabeceou, e a bola passou bem perto do gol de Victor, em um lance de bastante perigo.

Aos 15 minutos, Chará fez grande inversão de jogada para Luan, que ficou livre na grande área. O atacante tentou o chute rasteiro, mas Douglas entrou na bola para evitar o que seria o primeiro gol atleticano. Com 24 minutos, Thiago Larghi promoveu duas substituições no Atlético. Leandrinho ganhou a vaga de Yimmi Chará, e Luan deu lugar para Tomás Andrade no time do Galo.

Já aos 35 minutos, veio a última substituição atleticana. Matheus Galdezani saiu para entrada de David Terans. A partida seguiu com o Galo buscando exercer pressão, chegando a criar uma boa jogada aos 41 minutos. No lance, Emerson chutou forte, mas a bola explodiu na defesa. E na volta, foi Leandrinho que bateu firme, rasteira, no canto, obrigando Jandrei a espalmar a redonda para a linha de fundo.

Aos 46 e aos 47 minutos, Elias e David Terans foram amarelados. E ainda, aos 47 minutos, a Chapecoense marcou o gol da partida. Na jogada, Yann tocou para Bruno Silva, que escorou para Doffo chegar cruzando. A bola desviou em Leonardo Silva, mudando de direção para enganar e encobrir o goleiro Victor, que até saltou, mas não conseguiu alcançar a bola: 1 a 0 pra Chape. Dois minutos depois, o juiz apitou pela última vez na partida. Placar final: Chapecoense 1, Atlético 0.

A renda do jogo foi de R$ 198.705,00, referente aos 10 mil torcedores presentes.

Próximos confrontos

O próximo compromisso do Atlético será no dia 13 de outubro às 19h pelo Brasileirão contra o América, em partida válida pela 29ª rodada. O time da Chapecoense também só jogará no próximo domingo, às 11h, contra o Vitória, na Arena Condá.

Close