Betim já possui leitos exclusivos para tratamento do coronavírus em funcionamento

A Prefeitura de Betim, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, criou um plano de enfrentamento a pandemia do novo coronavírus (COVID-19). O plano trabalha com a abertura gradativa de pelo menos 170 leitos de terapia intensiva, no centro materno-infantil, para atender pacientes com sintomas mais graves da doença. Nesta segunda-feira (30), o funcionamento de 30 leitos de UTI para pacientes com coronavírus, começou no térreo do Hospital Regional da cidade.

A ação, viabilizada pela Prefeitura, trabalhará com esse tratamento provisório, até que o centro materno-infantil fique pronto para realizar os atendimentos, assim como prevê o plano de enfrentamento. Sendo assim, só na manhã de hoje (30), pelo menos seis pacientes com quadro gripal e suspeitos da COVID-19, já foram encaminhados para a unidade, nomeada como CECOVID.

Os casos suspeitos de coronavírus em Betim, são encaminhados das Unidades de Atendimento (UPA) e Unidades Básicas de Saúde (UBSs), dependendo do grau de necessidade. O CECOVID será direcionado para pacientes mais graves, que necessitem de ventilação mecânica.

Além da abertura de novos leitos, a prefeitura da cidade abrirá um centro de diagnóstico para os pacientes que apresentarem sintomas da doença. Esse espaço deverá ser montado no Clube da Fiat, local em que serão disponibilizados 80 leitos para pacientes que estão se recuperando da doença.

Leia também: Em tempos de coronavírus, reserve um momento para agradecer quem está cuidando de você

COMENTE