Take a fresh look at your lifestyle.

Com belo gol de Cazares, Atlético supera inferioridade numérica e vence Bahia no Horto

Com bonito gol de Cazares, Atlético supera inferioridade numérica, (pós expulsão de Fábio Santos), e consegue vencer o Bahia, para alcançar 53 pontos, se mantendo ainda vivo no G-6 do Campeonato Brasileiro.

Melhores momentos do jogo

Para essa partida, válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, os times atuaram com as seguintes formações:

Atlético – Victor; Patric, Leonardo Silva, Maidana, Fábio Santos, Adilson, Elias, Luan (Matheus Galdezani), Cazares (Terans), Chará e Ricardo Oliveira (Gabriel).
Técnico: Levir Culpi.

Bahia – Douglas; Bruno, Tiago, Jackson (Allione), Paulinho, Nilton (Vinícius), Gregore, Flávio, Élber, Ramires (Gilberto) e Edgar Júnio.
Técnico: Enderson Moreira.

Primeiro tempo – A primeira finalização na partida aconteceu aos 6 minutos, com Ricardo Oliveira. O atacante ficou no mano a mano com um marcador, conseguiu encontrar espaço e bateu para o gol, porém o chute saiu fraco. Facilitando a defesa para o goleiro Douglas. Com 10 minutos, Yimmi Chará recebeu bom passe de Cazares e bateu de primeira, obrigando Douglas Friedrich a cair no canto para fazer a defesa.

Aos 16 minutos, em lance de contra-ataque, os baianos acertaram seu primeiro chute à gol. Paulinho recebeu passe de Ramires e bateu para o gol, mas Victor, bem posicionado, conseguiu fazer a defesa. Sete minutos depois, Ricardo Oliveira volta a ficar mano a nano com a defesa baiana. Ele consegue limpar a jogada e bater da entrada da área, para Douglas encaixar a bola sem muitos problemas.

Já aos 40 minutos, Cazares cobrou falta com bastante categoria, a bola passou pela barreira e, com muito perigo, tocou na rede pelo lado de fora. O goleiro Douglas ficou sem reação, acompanhando a redonda apenas com o olho. Se fosse para o gol, ela entrava com toda certeza. Aos 45 minutos, Fábio Santos recebeu cartão amarelo por parar contra-ataque puxado por Élber. E assim, aos 46 minutos, o árbitro apitou pela última vez no primeiro tempo para Atlético 0 e, Bahia, também 0.

Segundo tempo – Para a segunda etapa, os times atuaram com as seguintes formações. E aos 6 minutos, o Atlético abriu o placar com bonito gol de Cazares. Após rápida cobrança de falta, Yimmi Chará recebeu bom passe e avançou para à linha de fundo e tocou a redonda para Cazares acertar um belíssimo chute, com força, no ângulo, sem chances para o goleiro, fazendo Atlético 1, Bahia 0. Um minuto depois, Fábio Santos foi displicente, levanta a perna demais e atinge Élber, e assim, o lateral recebe seu segundo cartão amarelo, e é expulso do jogo.

Aos 12 minutos, em função da expulsão de Fábio Santos, Levir Culpi mexeu pela primeira vez na equipe. Saiu Ricardo Oliveira para entrada do zagueiro Gabriel. Com 20 minutos, o Bahia se lançou ao ataque com Paulinho, que ganhou  de Luan na dividida, avançou para à linha de fundo e cruzou na primeira trave, porém, Leonardo Silva se jogou à frente da bola para conseguir fazer o corte. Aos 30 minutos, Cazares cobrou escanteio bastante fechado, colocando muito efeito na bola, ela vai na direção do gol, mas Douglas conseguiu se posicionar e fazer a defesa.

Com 31 minutos, Matheus Galdezani ganhou a vaga de Luan no time do Galo. Sete minutos depois, Adilson recebeu cartão amarelo por entrar de carrinho em Élber. Na sequência, Cazares saiu para entrada de David Terans no meio campo do Galo. Com 45 minutos, Elias também foi amarelado, após chegar atrasado em disputa de bola e cometer falta em cima de Flávio. A bola voltou a rolar, e assim, aos 50 minutos, o juiz apitou fim de jogo na Arena independência para Atlético 1, Bahia 0.

Com a vitória, o Atlético se mantém na sexta colocação, com agora, 53 pontos. Já o Bahia fica em décimo primeiro lugar, com 44 pontos.

 

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 1 x 0 BAHIA

Motivo: Campeonato Brasileiro (35ª rodada)
Data: 17/11/2018 (sábado)
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gol: Cazares (6’/2ºT)
Público: 17.313
Renda: R$112.493,00
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (AB-SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (AB-SP) e Bruno Salgado Rizo (AB-SP)
Quarto Árbitro: Fabio Rogério Baesteiro (AB-SP)
Assistentes Adicionais: Ilbert Estevam da Silva (CD-SP) e Rodrigo Gomes Paes Domingues (CD-SP)
Cartões amarelos: Adilson, Elias (Atlético); Elber, Vinícius, Nilton (Bahia)
Cartão vermelho: Fábio Santos (Atlético)

Close