Mais Minas
Portal de notícias de Minas Gerais

‘Boi Neon’ e ‘Bacurau’: conheça os filmes indicados por Babu Santana no BBB 20

O cinema nacional foi tema de uma conversa bem interessante entre Babu Santana e Manu Gavassi, há alguns dias, no Big Brother Brasil 20. Dois filmes foram destaque na conversa: “Boi Neon” e “Bacurau”, indicados por Babu.

“Como que as pessoas ainda não assistiram ‘Boi Neon’, cara?”, disse ator, “é um filme maravilhoso. Queria muito ter feito esse filme… Esse e Bacurau”. “Nossa, ‘Bacurau’ foi a melhor coisa que eu vi nos últimos tempos”, respondeu Manu.

Conheça a seguir esses dois filmes:

“Boi Neon”

Dirigido e escrito pelo cineasta pernambucano Gabriel Mascaro, o filme foi lançado em 2015 e venceu o Grande Prêmio do Cinema Nacional em 2017. O longa mostra os bastidores das Vaquejadas, atividade cultural típica do nordeste brasileiro, seguindo três personagens: Iremar (Juliano Cazarré) que trabalha preparando os bois; Galega (Maeve Jinkings), motorista do caminhão que transporta os bois; e Cacá (Alyne Santana), filha de Galega.

Na história, o vaqueiro Iremar, apesar de apresentar o típico estereótipo de “machão”, tem um interior sensível que sonha em abandonar a vaquejada e se tornar um estilista. Costuma-se associar erroneamente a carreira de estilista à homessualidade, o que não é o caso do personagem, ele é heterossexual.

Com isso, o filme quebra preconceitos e mostra um nordeste sem frescuras com personagens considerados fora do padrão, procurando fazer uma associação do ser humano à natureza em meio a dura realidade que eles vivem.

Também estão no elenco Vinicius de Oliveira, Samya De Lavor, Josinaldo Alves, Roberto Birindelli e Abigail Pereira.

“Bacurau”

“Bacurau” foi uma das opções para representar o Brasil no Oscar deste ano, porém a vaga foi ocupada por “A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz. O filme foi escrito e dirigido por Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles e lançado em 2019 e traz no elenco grandes nomes: Sônia Braga, Udo Kier, Bárbara Colen, Silvero Pereira, Thomás Aquino, Karine Teles, Antonio Saboia, Lia de Itamaracá e Wilson Rabelo.

A história nos leva a Bacurau, uma vila fictícia em uma região remota do Brasil, através da qual retrata a dramática situação social do país pontuada por inúmeras referências de gênero em um futuro próximo.

Seus habitantes descobrem, logo após a morte de uma matriarca de 94 anos, que Bacurau foi varrida do mapa do Brasil e do GPS. A chegada dos paramilitares e a passagem de um drone sobre a vila prenuncia o pior. A resistência é inevitável.

O longa celebra a força do coletivo com uma mensagem um tanto quanto perplexa: nenhuma outra resposta à violência que não a própria violência.

“Bacurau” venceu o Prêmio do Júri do Festival de Cannes.

 

ONDE ASSISTIR:

“Boi Neon” pode ser alugado na plataforma de streaming Looke. Já o “Bacurau”, está disponível no catálogo do Telecine Play.

Leia também: ‘O Poço’, novo filme da Netflix, mostra que o homem é o lobo do homem

Comentários do Facebook
você pode gostar também