DatasUniverso dos Livros

Dia Mundial do Livro: o livro transforma vidas!

A reunião é uma preparação para o Congresso Estadual de Profissionais (CEP) realizado pelo Crea-MG com o objetivo de discutir e propor políticas para o desenvolvimento regional e nacional.

O Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor é celebrado no dia 23 de abril, desde 1996, por iniciativa da UNESCO.

Uma conferência geral da UNESCO em 1995, em Paris, escolheu o dia 23 de abril para celebrar o Dia Mundial do Livro. A data foi escolhida porque é a mesma data em que morreram Miguel de Cervantes, William Shakespeare e Garcilaso de la Vega que contribuíram com grandes obras à literatura mundial.

Todos os anos, a UNESCO e organizações internacionais que representam os três principais setores da indústria do livro – editores, livrarias e bibliotecas – selecionam a “Capital Mundial do Livro” que permanecerá com o título por um período de um ano, a partir de 23 de abril.

Sharjah, nos Emirados Árabes, é a capital mundial do livro de 2019 graças ao “seu programa inovador, abrangente e inclusivo com atividades voltadas para a comunidade com propostas criativas de envolver a população imigrante”, declarou a UNESCO.

Em 2020, a cidade escolhida foi Kuala Lumpur, na Malásia. A cidade foi escolhida por seu forte foco na educação inclusiva, no desenvolvimento de uma sociedade baseada no conhecimento e leitura acessível para todos os setores da população da cidade.

O livro é uma das maiores realizações e invenções da humanidade que evoluíram ao longo do tempo, e, dependendo da área. A escrita é um elemento crucial na história da humanidade em seu desenvolvimento. Em estreita conexão, os livros têm desempenhado um papel particularmente importante nos milhares de anos desde que eles passaram a existir; eles simbolizam o desejo permanente das pessoas de aprender, reaprender e transmitir o conhecimento aos filhos.

No início, os livros eram simples tabletes de argila, papiros, pergaminhos, etc. Estamos falando de civilizações que existiam há muito tempo – suméria ou egípcia. E os chineses escreviam em seda usando pincéis especiais.

Aproveite o dia de hoje, visite uma livraria e compre um livro, contribua para a promoção, acessibilidade, produção e divulgação de atividades voltadas para os livros. Dê um livro para seus entes queridos, casais, familiares, amigos e colegas de trabalho. Ensine-os a apreciar a leitura e a valorizar o papel do escritor, livreiro, editor, revisor, bibliotecário, jornalista ou ilustrador.

Você pode dar livros de todos os tipos como cientistas, literatura nacional ou estrangeira, sobre viagens, biografias, livros didáticos, livros de 100 páginas ou 1000, de referência ou de consulta, monografias, recreativo e poética ou até mesmo à prova de água (para crianças).

Dar livros é divertido e contribui para o enriquecimento cultural da humanidade, além proporcionar uma evolução intelectual e moral no indivíduo. O livro transforma vidas!

Facebook Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios