Casa e JardimDecoraçãoDicas

DIY: 7 dicas para personalizar a sua cozinha

Já ouviu falar em DIY? Bom, qualquer um que gosta e acompanha notícias sobre decoração fácil e acessível provavelmente já viu essa sigla por aí, ainda que não saiba o que ela significa. DIY vem do inglês Do It Yourself ou seja faça você mesmo.

Hoje, a dica vai para quem busca inspirações práticas e rápidas para otimizar e dar outro ar aos espaços da cozinha gastando bem pouco e sem precisar da ajuda de ninguém.

1. Faça um quadro negro

Que tal fugir do tradicional e fazer o seu próprio quadro negro na cozinha? Nele você pode anotar receitas, lembretes, recados e até declarações de amor. O mais legal de tudo isso é poder fazer mesmo que ninguém esteja disponível para te ajudar. Vamos aprender?

Existem várias formas de fazer o quadro negro, você pode escolher a que achar mais conveniente. A que vamos falar aqui é a mais fácil de todas, feita com papel autoadesivo ou, como é mais conhecido, papel contact.

Você vai precisar de papel contact preto fosco do tamanho que desejar, giz, um pano limpo e seco, e estilete. Esse tipo de papel é vendido em rolos de 2m x 45cm e 10m x 45cm e você pode até comprar pela internet, não tem erro.

Com os materiais em mãos, basta limpar muito bem o local da parede que será transformada e aplicar o papel contact. Para evitar bolhas, esfregue o pano seco por cima do papel fazendo movimentos circulares e, quando terminar, corte as rebarbas com o estilete.

2. Reutilize paletes e caixotes de feira

Você já deve ter reparado que a moda dos caixotes de feira e dos paletes chegou para ficar. Além de baratos, esses itens provavelmente seriam descartados, portanto, é uma forma de embelezar a cozinha e reciclar ao mesmo tempo.

Se você não sabe onde encontrar os caixotes, basta ir a qualquer feira livre da sua cidade e pedir para um responsável por alguma das barraquinhas montadas por lá.

Já os paletes você pode encontrar em alguns comércios que recebem um grande volume de produtos, como lojas de pisos e revestimentos e atacadistas. Alguns lugares vendem por um valor simbólico e outros nem cobram nada. A dica é pesquisar.

Com os caixotes e paletes em mãos, é preciso lixar muito bem. Note que a madeira com que são feitos é bastante áspera, por isso é importante caprichar nessa etapa. Depois, escolha os modelos das prateleiras que deseja fazer e pronto, é só personalizar!

Aqui vai uma dica, antes de pintar o palete ou o caixote, passe uma demão de tinta branca para que as cores escolhidas não se alterem pela cor natural da madeira, certo?

3. Invista em adesivo de azulejo

Agora é possível dar outra cara para aquele azulejo que você já não aguenta mais, sem precisar quebrar nada. Como? Azulejo adesivo. São milhares de estampas diferentes, uma mais bonita que a outra e a aplicação é rápida, basta seguir as instruções do fabricante.

Eles custam em média R$30 a cartela com 16 unidades e são perfeitos para revitalizar a cozinha em poucas horas, sem obras, sem gastos infinitos, sem precisar de um profissional especializado para fazer isso. Para encontrar, basta procurar adesivo de azulejo.

4. Deixe a natureza entrar

É comprovado: ter plantinhas dentro de casa é um jeito eficaz de melhorar o humor e a atmosfera do ambiente. Além do que, algumas espécies purificam o ar, perfumam e até repelem insetos. A melhor definição de unir o útil ao agradável.

Portanto, a dica aqui é espalhar vasinhos de plantas pela cozinha, seja qual for a espécie. Suculentas, por exemplo, são opções bacanas para quem não fica muito em casa, pois são plantinhas bastante resistentes a ausência de rega. Água 1 vez por semana já basta.

5. Reaproveite vidros de conserva

Sabe aqueles vidros de maionese ou de conserva que você ia jogar fora? Reaproveite todos eles. Existem várias ideias possíveis: porta temperos, luminárias, copos e vasinhos de flor.

Para personalizar o seu vidro de conserva você pode usar tinta específica para vidro, esmalte de unha ou você pode colar uma tira de juta ou de renda ao redor do seu vidrinho.   

6. Não economize nas prateleiras

Instalar uma prateleira é muito simples e é possível fazer sem a ajuda de ninguém. Independentemente do tamanho da sua cozinha, as prateleiras são grandes curingas na decoração, auxiliando no aproveitamento de espaço e também na decoração.

São diversos tamanhos e possibilidades, prateleiras mais altas ou mais fáceis de alcançar, elas servem de apoio para eletrodomésticos, temperos, louças, panelas e objetos de decoração que merecem ficar ali expostos para dar personalidade ao seu espaço.

Aqui existem dois jeitos para instalar suas prateleiras novas ainda hoje: vá até uma loja de material de construção e compre o kit pronto. É muito comum venderem a prateleira já num pacotinho com o apoio (mão francesa), parafusos e buchas.

Mas, se você quiser economizar ainda mais, basta comprar a prateleira do tamanho desejado, mãos francesas e parafusos, todos separados. Você que decide.

7. Abuse dos ganchinhos

Ganchinhos multi uso servem para otimizar qualquer cômodo da casa e na cozinha não poderia ser diferente.

Os ganchinhos ajudam a organizar os panos de prato, colheres maiores, conchas de feijão, escumadeiras e por aí vai. E escolhendo os utensílios mais bonitos, além de organizar, os ganchinhos vão ajudar na decoração, que tal?

Deixar o seu lar personalizado, com o seu toque especial, não precisa custar caro. Por meio do DIY é possível transformar ambientes a partir de materiais baratos e fáceis de encontrar.

Além do renovar o visual, soluções como essas são úteis para otimizar espaços, principalmente no caso de imóveis compactos, como um apartamento studio. Agora escolha as melhores ideias e mão na massa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios