CelebridadesParáViolência

Humorista da Band é morto durante briga, em Belém do Pará

Ricardo Bomba, como era conhecido, sofreu traumatismo craniano

O humorista Ricardo Sena de Macedo, conhecido como Ricardo Bomba, de apenas 37 anos, foi morto durante uma briga em Belém do Pará, nesta quarta-feira (01). Ricardo trabalhava na RBA TV, uma afiliada da Rede Bandeirantes, que atua na região Norte do país.

Segundo a Polícia Civil, Ricardo Bomba estava bebendo com alguns amigos na praça do conjunto Pedro Teixeira e teria provocado uma briga com um suspeito não identificado. Um vídeo amador que circula nas redes sociais mostra o momento em que Ricardo e outro homem, de blusa verde, se rondando prestes a começarem a se agredir. O humorista então parte para cima do agressor, que o nocauteia com um soco e em seguida, com o artista já no chão, desfere dois pontapés na cabeça da vítima.

Nenhum dos presentes na situação chega a interferir na briga, nem mesmo os amigos de Ricardo. Alguns só tiram o agressor de perto da vítima após os dois chutes, já com esta desacordada. O humorista chegou a ser levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Icoaraci, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo os médicos, o homem teria sofrido traumatismo craniano.

O vídeo abaixo mostra a briga que resultou na morte de Ricardo Bomba (vídeo tarjado por conter cenas fortes).

Turma do Paranoia

Ricardo Bomba fazia parte do programa “Turma do Paranoia”. O criador e comediante do programa, Geraldo Magela, lamentou o ocorrido.

Humorista da Band é morto durante briga, em Belém
Ricardo Bomba tinha 37 anos – Crédito da foto: Reprodução

“O Ricardo além de ser um amigo irmão era um grande talento. Ele fazia o quadro ‘Garota Fim de Festa’, em que invadia as baladas para tentar conquistar as gatas mais animadas da festa. Ricardo era um garoto no corpo de um verdadeiro Deus Grego, segundo as suas fãs que acompanham sua performance em nosso programa. Estou desolado e muito triste, pois perdi um amigo-irmão que acreditou até o fim no meu sonho e embarcou no Paranoia para levarmos diversão e alegria pra tantas pessoas. Que Deus tome posse de sua alma e que lhe reserve um lugar lindo e maravilhoso no paraíso”, falou Magela.

Investigação

A Polícia Civil investiga o crime e tenta localizar o agressor. Os motivos da briga ainda são desconhecidos.

Fechar