Take a fresh look at your lifestyle.

Já é hora de testar, Mano

Com apenas cinco jogos a disputar no Brasileirão, técnico celeste precisa dar oportunidade a alguns atletas

A derrota para o Atlético Paranaense, que parou a boa reação do Cruzeiro no Brasileirão, explanou que a postura do time, apesar de ter sido boa em alguns jogos, será de uma equipe em férias. Com os principais jogadores já carregando um sentimento de missão cumprida pelo título da Copa do Brasil, é natural que em algumas das partidas, principalmente as fora de casa, sem a atmosfera da torcida celeste, o ritmo dos atletas caia.

Sendo assim, já é hora de o técnico Mano Menezes começar a dar as tão faladas oportunidades para alguns jogadores do elenco que tiveram poucas chances de mostrar seu futebol ou que necessitam de readquirir ritmo. Recentemente fiz uma matéria sobre quais jogadores devem ser testados até o fim da temporada e nela citei atletas como o zagueiro Cacá, o lateral Patrick Brey, o volante Éderson e os atacantes Fred e Marcelo, que podem vir a acrescentar muito ao time no próximo ano.

O que não posso apoiar são as frequentes chances dadas a jogadores que tiveram todas as oportunidades de mostrar futebol durante o ano e não o fizeram, como é o caso do zagueiro Manoel e do meia Mancuello, que mesmo jogando um futebol abaixo da crítica em todo o ano ainda continuam recebendo oportunidades. Posso até entender se o objetivo de Mano for dar visibilidade a esses atletas, para que assim consiga negociá-los na próxima janela, mas com o que estes vem desenvolvendo em campo, a chance de um efeito adverso acontecer e ninguém querer leva-los daqui é grande.

Espero que os atletas que realmente merecem ganhem oportunidades nesses últimos jogos e em equipes que tenham uma mescla boa, afinal desenvolver um bom futebol em times totalmente reservas ou esfacelados é difícil. Se organizar direito, todo mundo joga!

Close