O que você procura?


GSA Alimentos vence licitação e deve gerar 300 empregos em Cachoeira do Campo

A empresa deve implantar uma fábrica de suprimentos alimentares, podendo gerar cerca de 300 empregos no distrito.

Rômulo Soares 5 de outubro de 2021 às 20:52
Tempo de leitura
2 min
Foto: Filipe Lage/PMOP
Foto: Filipe Lage/PMOP

A GSA Alimentos foi a vencedora do certame licitatório para a ocupação do grande galpão que a Prefeitura de Ouro Preto construiu na região do Distrito Industrial de Cachoeira do Campo. A empresa deve implantar uma fábrica de suprimentos alimentares, podendo gerar cerca de 300 empregos no distrito.

O prefeito de Ouro Preto, Angelo Oswaldo (PV), utilizou as suas redes sociais para dar a notícia e deixou uma mensagem dando a entender que novas empresas devem chegar na cidade. “Esse processo despertou a atenção de outras empresas que estão se credenciando para as oportunidades que Ouro Preto vai abrir agora pela nossa prefeitura no sentido de ocupar os lotes restantes dessa área do distrito empresarial de Cachoeira do Campo”, disse.

LEIA TAMBÉM:  Homem morre esfaqueado no bairro Nossa Senhora do Carmo, em Ouro Preto

A área do galpão é de 1.804,14 m², o que corresponde a apenas 4% de todo o lote do Distrito Industrial, que possui um total de 45.013,35 m².

“Nós encontramos essa obra com uma série de dificuldades, um investimento muito grande e a doação a uma empresa que não iria criar nem 10 postos de trabalho. Com isso, pela Câmara Municipal, nós conseguimos desfazer essa doação, recuperar o edifício, promover a licitação e agora ver a GSA como vencedora desse processo licitatório”, contou Angelo Oswaldo.

Errata: a empresa GSA Alimentos vencedora do certame não é a empresa fundada em 1984 pelo jovem empresário Sandro Marques Scodro, como citado anteriormente. O erro aconteceu porque a empresa vencedora, com CNPJ em Belo Horizonte, tem o mesmo nome.

Última atualização em 7 de outubro de 2021 às 10:33