O que você procura?

Saiba quais ruas e rodovias estão interditadas em Ouro Preto

A orientação da Ourotran é que as pessoas evitem transitar de carro nos lugares interditados.
Rômulo Soares 11 de janeiro de 2022 às 13:41
Tempo de leitura
2 min
Foto: Redes sociais
Foto: Redes sociais

Ouro Preto segue tendo problemas com as chuvas. No trânsito, diversos lugares estão interditados na manhã de terça-feira, 11 de janeiro. Veja:

  • Avenida Lima Júnior
  • Rua Vereador José Teixeira
  • Rua Desidério de Matos
  • Rua Padre Rolim
  • Rua das Mangabeiras
  • Rua das Violetas
  • Rua São Miguel Arcanjo
  • Rua dos Cravos
  • Rua Amarantina
  • Rua 1, no Bairro Alto do Beleza, em Cachoeira do Campo.
  • Rua Amarantina, no bairro Vila Aparecida, somente trânsito local.

A Rua Xavier da Veiga, logo no início, na região Autopeças, também foi interditada por conta do muro de uma pousada localizada ao lado da República Formigueiro que está cedendo. Ela está interditada até o Morro da Forca. No início da Escola de Farmácia, a rua está liberada.


A estrada para Ouro Branco está interditada na rancharia, por conta de uma barreira que caiu. No Sesc, liberaram há pouco. Trânsito em meia pista.

No bairro Taquaral, em direção à Mariana, apenas 30% da via liberada. Um material se deslocou na noite de segunda-feira, 10 de janeiro, e a Ourotran ficou até de madrugada sinalizando a via.

O trecho da BR-356, próximo de Botafogo, em Ouro Preto, teve a via liberada na manhã de hoje, mas vários pontos estão em meia pista. O trecho da via próximo da Lagoa das Codornas, no km 38, entre a cidades de Itabirito e Ouro Preto continua totalmente interditado.

“A orientação que a gente passa é o seguinte: as pessoas que puderem evitar de ir de carro nesses locais onde a gente citou, é melhor, porque está um estado muito crítico de deslocamento, não só para o pedestre, como, principalmente, para os veículos”, disse o superintendente de trânsito de Ouro Preto ao Mais Minas.

Chuvas

Assim como várias cidades do estado, Ouro Preto vive momentos difíceis por conta das chuvas. No último final de semana, entre os dias 8 e 9 de janeiro, 266 ocorrências foram contabilizadas pela Defesa Civil, totalizando em 466 ocorrências em todo o mês. São várias áreas afetadas no município, com deslizamentos e alagamentos.

O boletim mais recente da Defesa Civil de Ouro Preto aponta para 174 pessoas desalojadas17 desabrigados e um óbito.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.