Copa do MundoFutebol

Favoritas perdem e Rússia virtualmente classificada: o sexto dia de Copa

A terça-feira de Copa foi no mínimo surpreendente. Duas das favoritas aos jogos do dia perderam e a equipe de Mohamed Salah perdeu mais uma e está virtualmente eliminada da Copa. E enquanto essas equipes têm muito lamentar, Japão e Senegal que estrearam com vitória e a anfitriã Rússia que praticamente garantiu sua passagem para as oitavas, puderam comemorar seus ótimos resultados.

A primeira partida do dia foi entre Colômbia e Japão. Os colombianos, após campanha de destaque na Copa de 2014, estavam cheios de expectativa para a estreia e confiavam em suas grandes estrelas James Rodríguez e Falcão García para largarem bem na competição. Mas quem esperava ver o camisa 10 colombiano e uma vitória da seleção latina se decepcionou. James foi poupado e só entrou na segunda etapa e a Colômbia foi batida por 2 a 1 pelos japoneses.

O primeiro gol do jogo saiu após uma lambança defensiva dos latinos. Após falha da defesa o Japão saiu na cara do gol e ao finalizar para o gol aberto, o volante Carlos Sanchez deu uma de goleiro e meteu o braço na bola para evitar o gol. Não podia dar outra, expulsão e pênalti para o Japão. Kagawa foi para a bola e marcou. Mesmo com um a menos no placar a seleção colombiana adiantou suas linhas e passou a pressionar muito os asiáticos. E aos 39 a Colômbia chegou ao empate. Juan Quintero cobrou falta por baixo da barreira, no cantinho, para deixar tudo igual no placar. Com o gol, o Japão teve de voltar a atacar e a partida melhorou. No segundo tempo, Keisuke Honda, um dos principais jogadores japoneses, que havia começado no banco, entrou e logo teve impacto. O camisa 4 bateu escanteio e Osako cabeceou para marcar e dar a primeira vitória de um asiático sobre um sul-americano na história das Copas.

No segundo jogo, Polônia e Senegal entraram em campo num jogo que, apesar de ser entre seleções sem tanta tradição, causava boas expectativas. A Polônia fez uma das melhores campanhas das eliminatórias europeias liderando sua chave. Já Senegal reúne uma de suas melhores gerações nos últimos anos com jogadores como Sadio Mané do Liverpool e Kalidou Koulibaly da Napoli. Mas quando a bola rolou só Senegal pareceu ter entrado em campo. Com muita força física e velocidade, os africanos surpreenderam a seleção de Robert Lewandowski e venceram por 2 a 1. Os gols de Senegal foram marcados por Tiago Cionek, contra, e M’Baye Niang após falha da defesa polonesa. O gol da Polônia foi marcado por Krychowiak, de cabeça, no fim da partida.

E no último jogo do dia, os anfitriões passearam novamente. A Rússia enfrentou o Egito e nem a presença de Mohamed Salah foi suficiente para evitar um massacre Russo. Todos os gols da partida saíram no segundo tempo, marcados por Fathy contra, Cheryshev e Dzyuba, que fez um golaço, pelo lado dos russos e o faraó Mohamed Salah, de pênalti descontou. 3 a 1 para os donos da casa e muita festa no estádio. O resultado praticamente classificou a Rússia e eliminou o Egito. A única forma disso não acontecer já nesta rodada é uma improvável vitória da Arábia Saudita sobre o Uruguai, coisa que não deve acontecer.

Leia também: Suécia, Bélgica e Inglaterra estreiam com vitória: o quinto dia de Copa

Deixe seu comentário

Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar