Take a fresh look at your lifestyle.

Paraíso do Tuiuti movimenta as redes sociais durante desfile na Sapucaí

0

Na madrugada desta segunda-feira (12), a Escola de Samba Paraíso do Tuiuti movimentou as redes sociais durante seu desfile na Sapucaí pelo grupo especial das Escolas de Samba do Rio de Janeiro.

Com o enredo “Meu Deus, meu Deus, está extinta a escravidão?” a Tuiuti trouxe a tona críticas contra a escravidão, a reforma trabalhista, aos “manifestantes fantoches”, ironizando os manifestantes que pediram o impeachment de Dilma Rousseff, e por fim uma fantasia do “presidente vampiro do neoliberalismo”.

Ala protesta contra a Reforma Trabalhista (Foto: G1.com)
Ala protesta contra a Reforma Trabalhista (Foto: G1.com)
Ala do desfile do Tuiuti ironizou os manifestantes que pediram o impeachment de Dilma Rousseff (Foto: G1.com)
Ala do desfile do Tuiuti ironizou os manifestantes que pediram o impeachment de Dilma Rousseff (Foto: G1.com)

Com 29 alas, a escola explorou o tema da escravidão das mais diversas formas, representando o trabalho escravo rural, o tráfico de escravos, o trabalho informal e relembrou a publicação do primeiro jornal da imprensa negra no Brasil, “o Mulato”, em 1833.

Com o enredo "Meu Deus, meu Deus, está extinta a escravidão?" a Tuiuti trouxe a tona críticas contra a escravidão (Foto: Globo.com)
Com o enredo “Meu Deus, meu Deus, está extinta a escravidão?” a Tuiuti trouxe a tona críticas contra a escravidão (Foto: Globo.com)

O último carro da escola representou, o que podemos dizer, de um navio negreiro contemporâneo, com a ala dominante se impondo sobre os trabalhadores. Foi nesse carro que desfilou um “vampiro neoliberalista” com uma faixa presidencial, com clara alusão à Michel Temer, atual Presidente da República.

Vampiro neoliberalista no último carro da Tuiuti
Vampiro neoliberalista no último carro da Tuiuti (Foto: G1.com)

Comentários

Facebook
error: Conteúdo Protegido!