Pico do coronavírus em Minas Gerais deve ocorrer entre 03 a 05 de maio, diz secretário de Saúde

O coronavírus avança rapidamente no Brasil. Em Minas Gerais, o contágio deve atingir o pico da curva entre os dias 03 e 05 de maio, de acordo com o que disse o secretário de Estado de Saúde, Marcelo Cabral, em coletiva concedida nessa terça-feira (14).

Cabral também falou sobre a estimativa de pacientes durante o período em que ele acredita ser o auge da doença no estado: “Por ora, nossa projeção por demanda de leitos ainda está na casa de 5.900 pessoas necessitando de leitos clínicos e 1.500 a 2.000 podendo demandar terapia intensiva. Atualmente, estimamos em até 3% o quantitativo de leitos de UTI ocupados por pessoas com casos suspeitos da Covid-19”.

Para o secretário a flexibilização do isolamento social não deve ser realizada neste momento, mas em momento oportuno. O secretário frisou ainda que mesmo Minas Gerais não adotando penalidades específicas sobre o descumprimento de medidas de distanciamento, isso não impede que as pessoas que estão descumprindo as orientações da Saúde sejam penalizadas, pois configura crime previsto no Código Penal.

De acordo com o informe epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, o estado registrou 30 mortes confirmados por coronavírus, outras 60 mortes estão em investigações.

O estado possui até o momento 63.951 casos suspeitos para a Covid-19 e 884 confirmados.

O Brasil registra 25.262 casos confirmados do coronavírus, dos quais há 9.704 pessoas internadas, 14.026 recuperados e 1.532 mortes decorrentes da doença.

Comentários