Take a fresh look at your lifestyle.

Veja Como Votaram os Deputados, Que Mais Receberam Votos em Ouro Preto, em Relação à Denúncia Contra Temer

Na última eleição para escolha de deputados federais, ocorrida em 2014, 353 candidatos receberam votos no Município de Ouro Preto, sendo 43 destes eleitos para o mandato de 04 anos, que se encerra ao fim de 2018.

Desses 353 candidatos votados em Ouro Preto, a maioria não recebeu se quer 10 votos na cidade. Por este motivo, para esta matéria, consideramos os deputados que receberam pelo menos 100 votos em Ouro Preto e que foram eleitos. Estão nesta seleção 21 deputados federais com atual mandato em Brasília.

Estes 21 deputados tiveram uma importante missão na última quarta-feira, 02 de agosto: votar contra ou a favor do prosseguimento da denúncia da Procuradoria Geral da República contra o Presidente da República, Michel Temer, por corrupção passiva. A Câmara dos Deputados teve que votar se autorizava que o Supremo Tribunal Federal investigasse imediatamente Michel Temer e que ele fosse afastado do cargo provisoriamente, ou se arquivava o processo enquanto Temer prosseguir na função de Presidente da República.

A decisão final foi a de arquivar o processo contra Michel Temer, com os votos de 263 deputados, contra 227. Era necessário que 342 deputados federais votassem NÃO para dar prosseguimento ao processo. Além disso, 19 deputados se ausentaram na votação e 02 abstiveram seus votos. Com a decisão, o processo contra Michel Temer fica parado no Supremo enquanto ele exercer o mandato de Presidente da República, até o final de 2018, caso não seja reeleito.

E aí fica a pergunta: você que votou em Ouro Preto, sabe qual foi o voto do seu Deputado Federal nesta votação?

Veja a seguir como estes 21 deputados eleitos e mais votados em Ouro Preto votaram em relação à denúncia de investigação contra o atual Presidente Michel Temer. Antes, é importante lembrar que os deputados que votaram SIM, optaram pelo arquivamento do processo de corrupção passiva contra Michel Temer, enquanto que os deputados que votaram NÃO, optaram pelo prosseguimento imediato do processo de corrupção passiva contra Michel Temer no Supremo Tribunal Federal.

1º – PAULO ABI-ACKEL (PSDB)

OPINIÃO: PARECER DO RELATOR PAULO ABI-ACKEL
Paulo Abi-Ackel na CCJ (FONTE: http://pauloabiackel.com.br/imprensa/fotos/) acesso em: 02/08/2017 às 23h23min

Paulo Abi-Ackel foi o deputado federal eleito mais votado em Ouro Preto, com 3.067 votos. No dia 02 de agosto, o deputado votou SIM e optou pelo provisório arquivamento do processo de denúncia contra Temer.

2º – TONINHO PINHEIRO (PP)

Toninho Pinheiro votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Câmara dos Deputados

Segundo deputado federal eleito mais votado em Ouro Preto, com 2.780 votos na cidade. Na votação em relação à denúncia contra Temer de corrupção passiva, Toninho Pinheiro votou SIM (contra a denúncia).

3º – JULIO DELGADO (PSB)

Júlio Delgado votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Site Deputado Federal Julio Delgado

O deputado federal Julio Delgado foi o terceiro mais votado, dentre os eleitos, em Ouro Preto, com 1.897 votos. O deputado seguiu a orientação do seu partido e votou NÃO, sendo favorável ao prosseguimento da denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer.

4º – PADRE JOÃO (PT)

 

Padre João votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Câmara dos Deputados

Padre João recebeu 1.772 votos em Ouro Preto em 2014. Na votação da última quarta-feira, o deputado federal votou NÃO, sendo assim favorável à imediata investigação de Michel Temer por corrupção passiva pelo Supremo Tribunal Federal.

5º – GABRIEL GUIMARÃES (PT)

Gabriel Guimarães votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Câmara dos Deputados

Gabriel Guimarães é outro deputado federal petista bastante votado em Ouro Preto, com 1.555 votos. Assim como toda a bancada do PT mineiro, Gabriel Guimarães votou NÃO contra o arquivamento provisório da denúncia contra Michel Temer.

6° – GEORGE HILTON (PSB)

George Hilton votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Beto Oliveira/ Câmara dos Deputados (21/09/2014)

O deputado federal George Hilton seguiu a orientação dada por seu partido e se mostrou favorável à denúncia contra Temer ao decidir pelo NÃO. Em Ouro Preto ele obteve 754 votos na última eleição.

7° – SARAIVA FELIPE (PMDB)

Saraiva Felipe votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Câmara dos Deputados

Ainda no top 10 de Ouro Preto, dentre os eleitos, está o deputado federal Saraiva Felipe. Com 677 votos, Saraiva Felipe, que é do mesmo partido político de Michel Temer, votou SIM.

8º – EROS BIONDINI (PROS)

Eros Biondini votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: setelagoas.com.br

Eros contou com a ajuda de 417 ouro-pretanos para se eleger deputado federal em 2014. Na votação em relação a denúncia de possível prática de corrupção passiva pelo presidente Michel Temer, Eros Biondini votou NÃO, sendo então favorável às investigações pelo STF ainda em 2017.

9ª – JÔ MORAES (PCDOB)

Jô Moraes votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Única mulher entre os 21, Jô Moraes manteve-se na posição de oposição ao governo Michel Temer, assim como seu Partido PCdoB, e votou pelo NÃO arquivamento do processo. Jô recebeu 390 votos em Ouro Preto na última eleição.

 10º – PATRUS ANANIAS (PT)

Patrus Ananias votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Último do top 10 de Ouro Preto, com 322 votos. Patrus Ananias, que é mais um dos componentes da bancada do PT mineiro na Câmara Federal, também seguiu a orientação do partido e votou NÃO.

11º – REGINALDO LOPES (PT)

Reginaldo Lopes votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Com 312 votos em Ouro Preto em 2014, Reginaldo Lopes optou pelo NÃO.

12º – RODRIGO DE CASTRO (PSDB)

Rodrigo de Castro votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Um dos representantes da bancada tucana mineira na Câmara dos Deputados, Rodrigo de Castro votou pelo SIM,  contribuindo pela rejeição da denúncia contra Temer. Rodrigo de Castro obteve 257 votos, nas urnas de Ouro Preto, que contribuíram para sua reeleição ao cargo de deputado federal na última eleição.

13º – DIEGO ANDRADE (PSD)

Diego Andrade votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Diego Andrade obteve 211 votos em Ouro Preto. Na votação sobre a denúncia de corrupção contra Michel Temer, o deputado federal votou SIM pelo arquivamento do processo enquanto Michel Temer estiver à frente da Presidência da República.

14º – RODRIGO PACHECO (PMDB)

Rodrigo Pacheco se absteve na votação
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, Rodrigo Pacheco, que obteve 171 votos em Ouro Preto, absteve-se na votação.

15º – LINCOLN PORTELA (PRB)

Lincoln Portela votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Fechando o top 15 dos mais votados em Ouro Preto, com 171 votos, Lincoln Portela votou contra Michel Temer e optou pelo NÃO.

16° – EDUARDO BARBOSA (PSDB)

Eduardo Barbosa foi ausente na votação
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Dono de 162 votos dos ouro-pretanos, Eduardo Barbosa acompanhou seus companheiros do PSDB mineiro e votou SIM,  contra a análise imediata da denúncia contra Temer pelo Supremo.

17º – JAIME MARTINS (PSD)

Jaime Martins votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Também conhecido como Jaiminho Martins, o deputado federal votou pelo SIM. Jaime Martins extraiu 129 votos em Ouro Preto.

18º – STEFANO AGUIAR (PSD)

Stefano Aguiar votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – CMADS
Plenário de Comissão
Foto: Beto Oliveira
07.06.2011 Dep. Stefano Aguiar

Apesar de ter tido a mesma quantidade de votos em Ouro Preto que seu companheiro de bancada Jaime Martins, Stefano Aguiar votou contra Michel Temer ao optar pelo NÃO.

19º – LEONARDO QUINTÃO (PMDB)

Leonardo Quintão votou SIM pelo arquivamento da denúncia contra Temer
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Com 121 votos oriundos de ouro-pretanos, Leonardo Quintão votou pelo SIM, favorecendo o presidente Michel Temer, que também é do seu partido político PMDB.

20º – LAUDIVÍO CARVALHO (SD)

Laudívio Carvalho votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

Laudívio Carvalho do Partido Solidariedade (SD) votou NÃO. Em Ouro Preto ele obteve 119 votos, quando ainda era do PMDB.

21º – SUBTENENTE GONZAGA (PDT)

Subtenente Gonzaga votou Não (a favor da denúncia contra Temer)
Foto: Portal da Câmara dos Deputados

O último a contemplar a nossa lista é o Subtenente Gonzaga, do PDT. Gonzaga, que foi o 21º deputado mais votado em Ouro Preto, votou NÃO, sendo contrário ao arquivamento do processo de investigação contra Michel Temer.

Como votaram todos os deputados de Minas Gerais em Relação à Denúncia Contra Temer

Ademir Camilo (PODE) – SIM

Aelton Freitas (PR) – SIM

Bilac Pinto (PR) – SIM

Bonifácio de Andrada (PSDB) – SIM

Brunny (PR) – SIM

Caio Narcio(PSDB) – SIM

Carlos Melles (DEM) – SIM

Dâmina Pereira (PSL) – SIM

Delegado Edson Moreira (PR) – SIM

Diego Andrade (PSD) – SIM

Dimas Fabiano (PP) – SIM

Domingos Sávio(PSDB) – SIM

Eduardo Barbosa (PSDB) – AUSENTE

Eros Biondini (PROS) – NÃO

Fábio Ramalho (PMDB) – SIM

Franklin(PP) – SIM

Gabriel Guimarães (PT) – NÃO

George Hilton (PSB) – NÃO

Jaime Martins (PSD) – SIM

Jô Moraes (PCdoB) – NÃO

Júlio Delgado (PSB) – NÃO

Laudivio Carvalho (SD) – NÃO

Leonardo Monteiro (PT) – NÃO

Leonardo Quintão (PMDB) – SIM

Lincoln Portela (PRB) – NÃO

Luis Tibé (PTdoB) – SIM

Luiz Fernando Faria (PP) – SIM

Luzia Ferreira (PPS) – NÃO

Marcelo Álvaro Antônio (PR) – NÃO

Marcelo Aro (PHS) – SIM

Marcos Montes (PSD) – SIM

Marcus Pestana(PSDB) – SIM

Margarida Salomão (PT) – NÃO

Mauro Lopes (PMDB) – SIM

Misael Varella (DEM) – SIM

Newton Cardoso Jr (PMDB) – SIM

Padre João (PT) – NÃO

Patrus Ananias (PT) – NÃO

Paulo Abi-Ackel (PSDB) – SIM

Raquel Muniz (PSD) – SIM

Reginaldo Lopes(PT) – NÃO

Renato Andrade(PP) – SIM

Renzo Braz (PP) – SIM

Rodrigo de Castro (PSDB) – SIM

Rodrigo Pacheco (PMDB) – ABSTENÇÃO

Saraiva Felipe (PMDB) – SIM

Stefano Aguiar (PSD) – NÃO

Subtenente Gonzaga (PDT) – NÃO

Tenente Lúcio (PSB) – SIM

Toninho Pinheiro (PP) – SIM

Weliton Prado (PMB) – NÃO

Close