Ultimate magazine theme for WordPress.

Segundo dia de Enem tem maior taxa de participantes em 10 anos

Nesse último domingo (10), encerrou a edição 2019 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com a menor taxa de participantes ausentes desde 2009. Ao todo, eram 5,1 milhões de inscritos e, no segundo dia, 3,7 milhões compareceram ao exame, com 72,9% de participantes, superando os 72,67% da edição de 2015. No primeiro dia, apenas 1,2 milhão não compareceram, um percentual de 23%. Esses dados foram divulgados pelo Ministério da Educação e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Desde 2009 essa contagem foi implementada quando o exame foi reformulado e passou a ser o principal método de ingresso dos estudantes na universidade.

No segundo dia, a taxa de abstenção foi menor que a de 2015, que era a menor até então, com 27,33% dos candidatos ausentes. Já a taxa do primeiro dia desse ano, superou a de 2018, que era de 24,76%.

O número de eliminados também foi baixo, apenas 351 participantes não cumpriram as regras do exame no segundo dia. No primeiro foram 376, somando 747 eliminados.

As regras foram mais rigorosas nessa edição. Participantes que tiveram celulares ou outro objeto eletrônico emitindo sons durante a prova, foram eliminados. Mesmo que estivesse dentro do envelope lacrado que é entregue ao participante.

“Foi o melhor Enem de todos os tempos, tanto em execução, operação, logística, quanto em termos de formulação”, disse o ministro Abraham Weintraub, em entrevista coletiva.

Cerca de 400 mil pessoas trabalharam na aplicação do Enem, que aconteceu em 10.130 locais, de 1.727 municípios, simultaneamente.

Problemas e reaplicação da prova

Emergências médicas, queda de energia elétrica, falha de procedimento de aplicação, entre outros, são considerados problemas de logística.

Segundo o Inep, houve 76 reclamações de problemas na aplicação das provas durante o segundo dia. Por isso, os candidatos que sentirem necessidade podem entrar na página do participante do Enem a partir desta segunda-feira (11) e solicitar a reaplicação da prova. O prazo se estende até o próximo dia 18.

Cada caso será avaliado individualmente e a reaplicação está marcada para os dias 10 e 11 de dezembro.

Comentários do Facebook