The news is by your side.

Apesar da vantagem, Itabirito sofre revés e está eliminado do Troféu Inconfidência

No último sábado (16), o Itabirito se despediu do Troféu Inconfidência com uma derrota improvável para o Pouso Alegre no Manduzão. Após a vitória com uma larga vantagem no jogo de ida, a classificação parecia muito bem encaminhada para o Gato, mas uma sequência de erros e um apagão da equipe de Marcelo Caranhato na segunda etapa, foram cruciais para selar a eliminação do na semifinal do torneio.

O jogo

Com o placar de 4×1 no agregado, o Itabirito chegou no Manduzão confiante com a classificação inédita. No primeiro tempo, o Gato não tomou conhecimento do Pousão e já abriu o placar aos 18 minutos, com Branquinho, um dos principais destaques da equipe.

Gol de Branquinho abriu o placar do jogo em Pouso Alegre

O Pouso Alegre, logo diminuiu aos 22 com Magno, após boa jogada entre o volante e o lateral Léo Príncipe. Mas o Itabirito estava bem na partida. Aos 39, Fabrício Bigode cobra pênalti e amplia a vantagem do Gato do Mato. Com esse resultado, o Pousão precisaria marcar mais 4 gols para avançar. E a reação começou nos acréscimos da primeira etapa, com Felipe Moreira, aos 56 minutos, em mais uma cobrança de pênalti.

Na segunda etapa, a equipe mandante voltou obstinada a conseguir a classificação e não tomouo conhecimento da defesa do Itabirito, que vinha se destacando ao longo da competição. Aos 6 minutos, Felipe Moreira marcou o seu segundo gol na partida. Aos 34, Marcos Kayck fez o gol que deixava o Pouso Alegre à um gol da vaga. A emoção foi até o fim.

Aos 50 minutos da segunda etapa, após batida de escanteio, Igor Goularte acertou uma bicicleta digna de Prêmio Puskás, e colocou o Pouso Alegre na decisão do Troféu Inconfidência.

Confira os melhores momentos do jogo

Resultado histórico!

Apesar da frustração da eliminação nos minutos finais, o torcedor do Gato entendeu o espírito aguerrido da equipe ao longo de toda a competição, bem como a ótima campanha que o credenciou para a primeira competição nacional de sua história no primeiro ano na elite do estadual.

No entanto, a torcida que compareceu ao estádio ressalta o sentimento amargo da eliminação nos últimos minutos:

Sou de Itabirito e tenho a seguinte opinião: O Itabirito FC já alcançou um grande patamar sendo um time que não tem 3 anos de fundação ,coisa que muitos times de Minas Gerais não conseguiram. Desmerecer o time pela derrota não é legal.

Pouso Alegre não fez nada de espetacular,somente fez aquilo que tinha de ser feito que é ter garra e jogar futebol. Por isso mereceram ser classificados.

Bruno Claudiano em comentário nas redes sociais do Itabirito FC
Torcida organizada do Itabirito ressalta a boa campanha e agradece o apoio de todos os torcedores na primeira campanha no Módulo I do Campeonato Mineiro.