Betim anuncia a criação de 170 leitos de UTI para enfrentar o coronavírus

Instalação de mais 170 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Betim, a compra de novos equipamentos e insumos, e a contratação de mais profissionais de saúde para combater o novo coronavírus (Covid-19). Essas foram medidas anunciadas pelo prefeito Vittorio Medioli, por meio das redes sociais, nessa terça-feira, 24.

As medidas integram o Plano Geral de Assistência Hospitalar do município, apresentado ao Governo de Minas, na primeira quinzena de março, e já aprovado pela Secretaria de Estado de Saúde. O plano prevê, além da adição dos novos leitos, a criação de estrutura de triagem e recuperação de doentes.

Segundo o coordenador do Centro de Enfrentamento da Pandemia do Coronavírus – CEPAC/Betim e secretário adjunto de Gestão da Saúde do município, Augusto Viana, a partir da autorização do Estado, Betim   firmou parceria com um instituto para auxiliar na gestão do atendimento médico-hospitalar referente à pandemia. “Já estamos estruturando, de imediato, um andar no Hospital Público Regional de Betim (HPRB) instalação de 30 leitos de UTI, até que as obras do Centro Materno Infantil sejam concluídas”, esclarece o secretário.

Ele adiantou que, após a conclusão das obras do Centro Materno Infantil, atualmente em construção ao lado do HPRB, o Centro Especializado em Covid-19 -Cecovid-Betim será transferido para lá e o atendimento será ampliado para 170 leitos, conforme a demanda.

O Cecovid-Betim foi criado pela prefeitura, em parceria com o Instituto Brasileiro De Desenvolvimento Social (IBDS),   e auxiliará nas ações de enfrentamento da pandemia de Covid-19 no município. Nessa segunda-feira, 23, as instituições celebraram um termo de cooperação para atuação na prevenção, isolamento, diagnóstico, tratamento e acompanhamento dos casos de Covid-19 no município , assim como para a estruturação, gestão e operacionalização de serviços de urgência e emergência no enfrentamento da doença.

Mais investimentos

Augusto Viana também informou que, nesta semana, a Secretaria Municipal de Saúde concluiu a aquisição de R$ 1 milhão em insumos e equipamentos de segurança para os profissionais de saúde, como máscaras, luvas, jalecos e toucas. Além de R$2,5 milhões em equipamentos para instalação das unidades de terapia intensiva.

“Todos estes investimentos são iniciais, dado ao cenário de Betim, atualmente ainda com poucos pacientes, e à dificuldade em encontrar fornecedores com capacidade de entrega das compras. A maioria dos produtos disponíveis no mercado apresentam preços muito elevados” destaca.

Comentários