CarnavalCrimesNotíciasOuro Preto

Caso de estupro no carnaval em república estudantil de Ouro Preto é investigado pela Polícia Civil

Uma mulher de 30 anos registrou um boletim de ocorrência por ter sido abusada sexualmente em uma república estudantil de Ouro Preto na última sexta-feira (01/03). A vítima relatou à polícia que ela acordou nua, apenas com um cobertor sobre o seu corpo, ao lado de dois homens na república. Os homens citados pela vítima disseram que ela manteve relações sexuais com um amigo deles. A mulher alega que não consentiu nenhum ato sexual. O caso aconteceu na república Quintadinha.

Ainda na ocorrência, a mulher informou que havia consumido bebidas alcoólicas (menos de meio copo de vodka e um pouco de cerveja) antes de perder a consciência. A Polícia Civil abriu inquérito e investigará o caso. Ao final da ocorrência, consta que a vítima voltaria até a república para identificar os envolvidos e tomar as devidas providências.

Neste domingo (03), a República Quitadinha informou que “repudia todo e qualquer tipo de violência e exigiu a apuração dos fatos e responsabilização dos envolvidos, e se colocaram à disposição das autoridades policiais para elucidação”. A Quitandinha também informou que “nenhum dos moradores da República estão envolvidos no episódio”.

Confira aqui a íntegra da nota da república.

Facebook Comentários

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios