Em partida atrasada válida pela 33ª rodada, o Cruzeiro recebeu o Vasco da Gama em confronto sem público, em virtude da confusão na Vila Capanema diante do Coritiba. Embalado pela vitória do último sábado (18), o Cruzeiro começou a partida tentando propor o jogo, mantendo o controle de posse de bola e buscando o gol nos primeiros minutos.

Confira os melhores momentos de Cruzeiro 2×2 Vasco

Sobre a Partida

Apesar da pressão celeste, quem ameaçou a meta do adversário primeiro foi o Vasco. Aos 10 minutos, Vegetti marcou após cobrança de escanteio, mas o árbitro marcou impedimento. Aos 14, em falha de Luciano Castán, enganado pelo quique da bola, Pumita Rodríguez aproveitou a bobeada da defesa e acertou um lindo chute, sem chances para Rafael Cabral.

Mas ainda na primeira etapa, a equipe celeste conseguiu se recuperar na partida. Aos 40 minutos, em bela jogada individual, Arthur Gomes finalizou de fora da área e acertou um lindo chute para empatar o confronto.

Nos acréscimos, Matheus Pereira realiza um belo lançamento procurando Mateus Vital na área. O meia mata a bola no peito se projetando para a finalização, mas a bola bate na mão de Rossi. Após revisão do árbitro de vídeo, Leandro Pedro Vuaden marcou o pênalti. Bruno Rodrigues pediu a bola e converteu. 2×1 Cruzeiro, resultado que tirava o Cruzeiro da confusão e deixava a equipe de Autuori mais tranquila na tabela.