Em casa mando eu! Atlético goleia Cruzeiro e quebra tabu de nunca ter vencido o rival na Arena MRV

por Davi Guimarães

Em partida válida pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético recebeu o Cruzeiro, maior rival, com o objetivo de quebrar o tabu de nunca ter vencido o clube celeste na Arena, e confirmar a segunda vitória consecutiva em clássico para colocar o rival em situação complicada com os torcedores.

Em casa mando eu! Atlético goleia Cruzeiro e quebra tabu de nunca ter vencido o rival na Arena MRV
Atlético vence segundo clássico consecutivo em cima do Cruzeiro. O primeiro na Arena MRV. Foto: Pedro Souza / CAM / Flickr / Reprodução

Leia também: Guia do Campeonato Brasileiro: o que esperar de cada time em 2024? (Parte 1)

Desde a derrota no Campeonato Mineiro, o cruzeirense vive uma situação complicada com o time, criticando as tomadas de decisão dos treinadores (Nico Larcamón e Fernando Seabra), que insiste em colocar em campo atletas que vem de um desempenho bem aquém do esperado, e a diretoria de futebol da SAF de Ronaldo, comandada por Pedro Martins, que pouco se movimentou na janela de transferências, que se encerrou na última sexta-feira (19).

Na coletiva de imprensa o jornalista do Portal Trivela, Maic Costa, perguntou sobre as escolhas em peças que não estão rendendo o esperado há muito tempo. Seabra respondeu que os treinamentos que mandam na decisão final.

Já o Atlético, vive um momento oposto, já que após a saída de Luiz Felipe Scolari e a contratação do técnico argentino Gabriel Milito, o desempenho da equipe voltou a animar o torcedor atleticano. E desta vez, não foi diferente.

Momento do Atlético com Gabriel Milito é muito bom. Desde que assumiu o técnico argentino não sabe o que é derrota

Leia também: Guia do Campeonato Brasileiro: O que esperar de cada time? (Parte 2)

O jogo

Com o domínio das ações ofensivas desde o primeiro minuto da partida, o Atlético “amassou” o Cruzeiro dentro do seu campo de defesa, criando jogadas de perigo, principalmente nos pés de Gustavo Scarpa, que em diversos momentos, colocou os companheiros em situação clara de gol.

O primeiro gol alvinegro saiu aos 24 minutos da primeira etapa, em mais uma bela jogada do meia atleticano, que realizou um lindo lançamento para Matías Zaracho que de voleio, abriu o placar para o Galo. O sistema defensivo, que ano passado foi o melhor do campeonato, falhou – mais uma vez na temporada – com um erro crasso de comunicação entre William e Neris.

O segundo, saiu 10 minutos depois, em mais uma jogada iniciada pelo camisa 6 atleticano, que em todo momento exigiu muito de Marlon, lateral celeste. Scarpa inverteu a bola para Guilherme Arana, que rolou para Hulk, livre na entrada da área, sem qualquer marcação do meio campo do Cruzeiro. O atacante bateu cruzado e Paulinho, que estava dentro da pequena área, só teve o trabalho de encostar na bola para completar a finalização e aumentar a vantagem do Galo.

YouTube video
Confira os melhores momentos da partida

No último lance da primeira etapa, Guilherme Arana colocou números finais na partida com grande contribuição do goleiro Anderson, visto por muitos como a solução para a meta celeste após a saída do goleiro Rafael Cabral.

Números de Gustavo Scarpa na partida contra o Cruzeiro

Repercussão da vitória alvinegra

Após a ótima vitória do Atlético de Gabriel Milito, a torcida não perdoou o rival e encheu as redes sociais com provocações sobre mais uma vitória atleticana em cima do rival. Com o resultado, o Galo conquistou sua primeira vitória no Brasileirão, enquanto o Cruzeiro, teve sua primeira derrota. Ambos estão na parte de cima da tabela, mas aguardam o resultado final da terceira rodada para saber sua real posição nesse início de campeonato.

Perfil oficial do Atlético não perdoou e provocou muito após o término da partida
Provocação realizada pelo Atlético no Perfil oficial

ARTIGOS RELACIONADOS

Logo Preta

Destaques

PARCEIROS