Prefeito de Ouro Branco, Hélio Campos, anuncia medidas de prevenção do coronavírus

O prefeito de Ouro Branco, Hélio Campos, fez um transmissão ao vivo na conta da Prefeitura Municipal no Facebook, para dar informações sobre algumas medidas que serão tomadas no município a partir desta quinta-feira (18) para prevenção do coronavírus. Além disso, Hélio anunciou que haverá um “call center” para que a população tire dúvidas a partir da próxima segunda-feira (23), para que não seja necessário ir até o hospital, evitando aglomerações em espaços públicos, seguindo a orientação da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

O “call center” contará com profissionais da área de saúde para atender à população de 7h às 21h.

Quanto ao atendimento dos pacientes com casos suspeitos do coronavírus, Hélio Campos disse que aos que não fazem parte do grupo de risco, irão ser disponibilizados grupos com oito componentes agentes de saúde para atender à domicílio.

Além disso, as consultas eletivas marcadas na rede municipal de saúde foram suspensas devido às medidas de prevenção do coronavírus.

Quanto às aulas nas escolas municipais, que estão suspensas, o prefeito Hélio Campos disse que não há previsão de retorno. Previamente, o retorno iria ser na próxima segunda-feira, mas seguindo as recomendações do governo estadual, as aulas continuarão suspensas.

E também estão suspensos os eventos públicos, inclusive a “Feira de Quinta”, já tradicional na cidade. Quanto aos eventos particulares, o município não tem autonomia para cancelá-los, entretanto, foi orientado para que ninguém participe para evitar aglomerações.

Em Ouro Branco há um caso suspeito de coronavírus. Nas outras cidades da região, foram registrados novos casos suspeitos apenas em Mariana, que soma 10 casos no total; em Ouro Preto há dois casos suspeitos de coronavírus e um descartado; já em Conselheiro Lafaiete foram sete notificações, sendo cinco ainda investigados e dois descartados.

Em Minas Gerais foram notificados 810 casos, 88 foram descartados e 703 ainda estão em investigação. Além de Belo Horizonte, oito cidades mineiras confirmaram casos de coronavírus: um em Coronel Fabriciano, Divinópolis, Ipatinga, Nova Lima, Patrocínio, Sete Lagoas, Uberlândia e dois em Juiz de Fora.

Comentários