18.4 C
Belo Horizonte
quarta-feira, 7 dezembro 2022

Renova Excursão

Quatro festivais culturais agitam o inverno em Ouro Preto-MG

O inverno deste ano em Ouro Preto promete! As famosas ladeiras serão tomadas por festivais culturais que levarão muitos espetáculos cênicos, shows musicais, exibições de filmes e tecnologia. 

Depois de passar dois anos sem os volumosos eventos que tradicionalmente atraem turistas e residentes para o centro histórico, Ouro Preto se prepara para receber um público considerável, pois os festivais acontecerão quase que consecutivos. 

O clima frio se une às belas paisagens naturais e arquitetônicas do antigo município, que voltando a convidar seus moradores e visitantes a irem às ruas prestigiar variados eventos ou mesmo participar de oficinas, volta a exalar arte. Isso entrega um significado especial ao retorno de tais eventos. 

Os próximos festivais terão programações gratuitas e pagas, confira! 

Festivais para curtir em Ouro Preto durante o inverno de 2022

Os tradicionais Festival de Inverno de Ouro Preto, Mariana e João Monlevade, o Festival Internacional Tudo é Jazz, o Marte Festival e a Mostra de Cinema de Ouro Preto (Cineop) são os destaques para os próximos dias. Veja os destaques de cada um deles! 

17 ª Mostra de Cinema de Ouro Preto (Cineop)

Com exibição de 151 filmes pré-estreias e mostras temáticas, a 17ª edição da Mostra de Cinema de Ouro (Cineop) trará para o município produções de outros sete países, além de destacar as iniciativas cinematográficas indígenas. 

O cinema nas escolas volta a acontecer. Neste ano, sete sessões serão exibidas para crianças e adolescentes de bairros mais afastados do centro, além do distrito Antônio Pereira. 

Vai ter muita música também! Marina Sena, Brisa Flow, o Bloco Volta Belchior e o dj ouro-pretano Pátrida, já são atrações confirmadas. Outra grande novidade será a Festa Junina da Cineop. Ela acontece no dia 26 de junho com as quadrilhas Pé de Moleque e Xorey Largadu. Chiquinho de Assis, juntamente com sua banda, O Candonguêro, desfilará um repertório voltado para o sertão, com clássicos de Dominguinhos, Luiz Gonzaga, Gilberto Gil, entre outros. Os show acontecerão no espaço Sesc Cine Lounge Show, dentro do Centro de Convenções.

Cineop 

Dias: 22 a 27 de junho .

A programação completa está no site oficial do festival

Festival de Inverno de Ouro Preto, Mariana e João Monlevade 

Festival de Inverno de 2018. Músico ouropretano Vicente Gomes. Foto: Ane Souz
Festival de Inverno de 2018. Músico ouropretano Vicente Gomes. Foto: Ane Souz

O Festival de Inverno de Ouro Preto, Mariana e João Monlevade oferece ao público diversas atrações artísticas, fomentando o setor cultural não apenas local como nacional, pois são convidados artistas de diversas partes do país, possibilitando também o encontro e diálogo entre a classe cultural. 

É esperado que as tradicionais oficinas de artes também voltem a acontecer de forma presencial. A produção do festival já divulgou dois editais, um para receber propostas de espetáculos cênicos e musicais e outro para a contratação de estudantes que desejam fazer parte da equipe de produção. 

Dezessete shows musicais de artistas que residem em Ouro Preto, Mariana e João Monlevade foram selecionados e seis espetáculos de teatro. A programação oficial ainda não foi divulgada. Porém os nomes dos artistas regionais sim, confira! 

Música 

  • Forró de Bolso
  • Maracatrupe 
  • Luiza Gaião apresenta “PACÍFICO”
  • Interior – Música e Poesia
  • Seu Juvenal – Show de lançamento do álbum 5
  • Clássicos do Choro
  • SambaPretoChoroJazZ: Tributo à Chico Rei
  • Grupo de Percussão Bença Valentim
  • Acúrdigos 
  • Macávima – Brasilidades Tropicais
  • Barroco Jazz e o Cortejo Música Viva
  • A cena é noix 
  • Joseph Phillip
  • Apresentação musical 
  • Gudies – Musicalidade brasileira 
  • Show com Bonappart

Artes cênicas 

  • Ensaios para a Sedição
  • “As Histórias da Linguaruda”
  • Daquele naipe
  • GRIÔ: tambores, princesas e baobás
  • Causos de Brasêro
  • A lenda da cobra e do sapo e outras histórias
  • “Sobre a pele” (cênica e dança)

Festival de Inverno 

Dias: entre 1 e 17 de junho.
Entradas: gratuitas e pagas. 

Marte Festival 

Já tradicional em Ouro Preto, o Marte Festival, evento que une música e tecnologia, já tem parte da programação disponibilizada. Pablo Bispo – produtor musical e compositor de hits gravados por Ludmilla, Iza, Pedro Sampaio e outros artistas de renome nacional – irá participar. 

Também já foram confirmados os nomes da distribuidora digital Jullie Steffanine, a diretora cultural Dani Ribas, produtora cultural Carol de Amar, o músico Márcio Buzelin e Lalai Person, publicitária. 

As bandas e artistas ainda não foram divulgados. 

Marte 2022

Dias: 26 a 30 de julho.
Entrada: Gratuita. 

Festival Internacional Tudo é Jazz

Glaw Nader – Foto: Iana Domingos

Já foi aberta a temporada de Jazz nas Minas Gerais. O Festival Internacional Tudo é Jazz já passou por Itabirito, Belo Horizonte e pelo distrito de Ouro Preto, Miguel Burnier. Agora, a produção se prepara para os próximos concertos que acontecerão durante o mês de julho em Ouro Branco, Moedas, Catas Altas e Congonhas.

Ouro Preto também está na rota do Tudo é Jazz, a cidade Patrimônio Cultural da Humanidade receberá quatro dias de música instrumental e cantada, além de oficinas artísticas. A programação ainda não foi divulgada. 

Tudo é Jazz Ouro Preto 2022

Dias: 31 de julho a 7 de agosto. 

Onde se hospedar em Ouro Preto

É fato que com tantos eventos Ouro Preto tem suas pousadas, hotéis, albergues e hostel completos. Deixar para reservar em cima da hora pode ser um risco grande de ficar sem hospedagem.

Estes empreendimentos locais podem ser encontrados no centro, imediações centrais, bairro mais afastados ou mesmo nos distritos de Ouro Preto. Em Lavras Novas, exemplificando, além da opção do turismos convencional, o visitante pode conhecer belas cachoeiras áreas rurais.

Os mais radicais e fãs do ecoturismo, tem a opção de armar barracas no Parque Estadual do Itacolomy, contudo deve se preparar para as baixas temperaturas. A vista vale a pena!

Veja aqui uma lista de pousadas em Ouro Preto

O que comer em Ouro Preto

A hospitalidade e o café da manhã são destaques das hospedarias da antiga Vila Rica.

Outro ponto que requer atenção é a comida local. Com cardápios variados que vão desde a convencional comida brasileira (arroz, feijão, bife, fritas e salada) aos famosos e bem elaborados pratos mineiros, os restaurantes espalhados por Ouro Preto são convidativos, possuindo variados cardápios e preços.

A noite boêmia de Ouro Preto

Com agenda cheia de shows e eventos culturais, a noite em Ouro Preto é muito boêmia. Além dos eventos, bares com mesas e cadeiras nas calçadas também são opções para quem gosta de fugir do agito.

O turismo rural também é preciosos neste sentido, pois apesar de pequenos, os distritos do município possuem restaurantes e bares bastante charmosos.

Que tal aproveita o inverno para conhecer Ouro Preto?

Você pode gostar também:

RECENTES

Veja também sobre: