21.4 C
Belo Horizonte
segunda-feira, 6 fevereiro 2023

Começa hoje a gratuidade no transporte coletivo em Mariana

Agora é realidade. A partir de terça-feira, 1º de fevereiro, Mariana terá transporte coletivo gratuito para toda a população. Por meio de suas redes sociais, o prefeito interino da cidade, Juliano Duarte (Cidadania), que é o autor do programa intitulado “Tarifa Zero”, agradeceu aos vereadores por votarem a favor do projeto.

- Participe da comunidade do Mais Minas no WhatsApp e seja o primeiro a ser informado de novas notícias. CLIQUE AQUI PARA ENTRAR.


“É um programa que visa valorizar quem realmente depende do transporte público, de mobilidade urbana e que vai ajudar muito o nosso comércio. Gostaria de fazer, em público, um agradecimento a todos os vereadores que votaram favoráveis a esse importante projeto que foi aprovado pela Câmara.”, disse Juliano Duarte.

O prefeito interino de Mariana ainda fez um apelo para que os marianenses não faça mau uso do transporte coletivo. “Peço à população, não é porque é gratuito que é para depredar, vamos usar com qualidade, vamos cuidar do nosso transporte público. Mariana é a nona cidade do país a implantar 100% da gratuidade do transporte público”, disse.

A gratuidade no ônibus em Mariana será um projeto em caráter experimental com duração de seis meses. No total, serão 24 veículos rodando na sede e nos distritos. Os ônibus serão caracterizados com a logomarca do programa “Tarifa Zero” e a linha do bairro Cabanas terá veículo passando a cada 15 minutos.

As linhas intermunicipais, ainda que próximas, como o caso de Ouro Preto e Mariana, são regularizadas pelo Estado e não poderão ser contempladas pelo “Tarifa Zero”. Apenas entre os distritos e subdistritos de Mariana terão gratuidade no transporte coletivo.

O “Tarifa Zero” custará R$ 862 mil aos cofres públicos, porém a Prefeitura de Mariana terá alguns cortes de gastos com o ônibus gratuito, como, por exemplo, retirando o custo com o transporte de estudantes e funcionários. De acordo com o prefeito interino de Mariana, a economia prevista é de R$ 200 mil.

Você pode gostar também:

RECENTES

Veja também sobre: