Categorias: Turismo

Parque do Ibitipoca reabre ao público após quase sete meses

O Parque Estadual do Ibitipoca, em Minas, será reaberto ao público nesta quarta-feira (7), após ficar quase sete meses fechado por causa da pandemia do novo coronavírus. Contudo, os interessados em visitar o parque terão que seguir algumas regras e protocolos criados pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF) para garantir a segurança de todos os visitantes com relação à covid-19.

As três regras principais para visitar o Ibitipoca serão a limitação de 500 pessoas por dia na unidade de conservação, o agendamento eletrônico para os três circuitos com atrativos abertos ao público e a limitação de cinco pessoas no mesmo grupo.

Todas as informações estão disponíveis no site do parque, onde também serão feitos os agendamentos. Pelo site, o visitante encontra os horários de saída permitidos para os três circuitos. Para a trilha do Circuito Janela do Céu serão permitidos dois intervalos de saídas, em grupos de até 55 pessoas por horário. Estão disponíveis os horários de 7h e 9h diariamente. Já na trilha do Circuito Pico do Pião, a administração do parque vai permitir três saídas, nos horários de 8h, 10h, e 12h. O número máximo de pessoas por horário também será de 55 pessoas. Na trilha do Circuito das Águas serão liberados quatro horários de saída: 8h30, 10h30, 12h30 e 14h, com a limitação de 56 pessoas por horário.

Em relação aos visitantes interessados em fazer observação da vida silvestre com horário especial, a autorização deve ser solicitada diretamente pelo e-mail peibitipoca@meioambiente.mg.gov.br .

O estacionamento do parque terá limitação de 25 veículos e as vagas serão preenchidas por ordem de chegada. Será obrigatório o uso de máscara durante todo o período que o visitante estiver no interior do parque. A gerente do parque, Clarice Silva, ainda orienta as pessoas a evitarem aglomerações e priorizarem horários com menor circulação de pessoas. “A preocupação do parque com relação à visitação nesse período de pandemia é a aglomeração na portaria, então o agendamento vem justamente para evitar essa aglomeração. Nosso objetivo é minimizar os riscos à saúde dos visitantes, da equipe do parque e da comunidade local”, afirma.

Apesar do agendamento ser feito de forma eletrônica, o pagamento do ingresso de acesso ao parque seguirá sendo feito na entrada da unidade. O valor da entrada é de R$ 20 durante a semana (seg. a sex.) e R$ 25 aos finais de semana e feriados. Já o valor cobrado pelo estacionamento é de R$ 20 para motocicletas, R$ 25 para veículos com até 7 pessoas e R$ 65 para veículos para mais de 7 pessoas (como vans e ônibus).

Nesse primeiro momento, a área de camping ainda não estará disponível.

Rodolpho Bohrer

Diretor geral, graduando de jornalismo e redator de cidades e política.

Publicado por
Rodolpho Bohrer