Take a fresh look at your lifestyle.

Como Reter os Talentos da Sua Empresa?

Você sabe Como Reter os Talentos da Sua Empresa? Pesquisas mostram que a cada dia que passa fica mais difícil para as empresas manter aqueles profissionais que são a “prata da casa”. Muitos trocam de emprego por causa do salário e benefícios ofertados pela concorrência, mas não é só isso! Alguns outros fatores contribuem (e muito) para que os profissionais troquem de camisa.

 

Fatores que contribuem para a perca de talentos de uma empresa

Como  reter os TALENTOS da sua empresa?
Foto: Funcionário talentoso trocando de empresa

Listamos abaixo alguns pontos que podem ser primordiais para que um funcionário talentoso troque de empresa:

1 – Falta de oportunidade para crescer na empresa.  Se o profissional não tem oportunidade de fazer uma carreira na empresa onde está, ele com certeza, irá buscar outra empresa que possa oferecer chances de crescer.

2 – Falta de investimento em treinamento. Todo mundo tem necessidade de aprender coisas novas, de melhorar a forma de atuar. Empresas que não investem em treinamento perdem a oportunidade de melhorar a qualificação de sua mão de obra e de manter este funcionário na casa.

3 – Falta de estabilidade no emprego. Empresas que não conseguem fazer a gestão do negócio dando ao colaborador a confiança necessária para realizar o trabalho, estão destinadas a perdê-lo para outra que oferte isso a ele.

4 – O colaborador não gostar do que faz ou não sentir que seu trabalho é importante.

5 – Falta de condições de trabalho. Pode ser falta de recursos como ferramentas, tecnologia, ambiente limpo e seguro, falta de estrutura gerencial.

6 – Gestores que não sabem lidar com a equipe. Não sabem tratar os colaboradores com respeito, educação, não sabem orientar como o serviço deve ser realizado e tampouco demonstram preocupação com o bem estar dos funcionários.

7 – Falta de objetivos. Empresas precisam ter metas e estas devem ser muito claras para os colaboradores. Um time não pode entrar em campo sem conhecer as regras do jogo.

8 – Falta de comprometimento do grupo para a realização do trabalho. Se não existe respeito e companheirismo entre os colegas de trabalho, fica difícil atingir os objetivos.

9 – Falta de um sistema de recompensas e de punições. Todo mundo gosta de ser reconhecido e valorizado. Reconhecimento não é dinheiro. Reconhecimento pode ser um elogio, uma carta de agradecimento, um certificado de Honra ao Mérito. Punir quem erra também pode ajudar a melhorar os resultados. Um bom Código de Ética deixa as regras claras para todo mundo.

10 – Salários e benefícios. Num mercado tão competitivo, a prática é pagar o salário de mercado, ou seja, o que é praticado pelas empresas da região. Para os benefícios, o raciocínio é o mesmo. Plano de saúde, cartões alimentação, bolsa de estudos são diferenciais que atraem os profissionais de diversos segmentos.

Heliene Margareth Silva Vieira, sócia da HVH Consultoria Empresarial

Close