Congonhas terá investimento de R$ 40 milhões em saneamento básico vindos da Copasa

Uma demanda antiga da população de Congonhas finalmente foi atendida. O município terá os serviços de abastecimento de água e tratamento sanitário feitos pela Copasa. O anúncio foi feito na última quarta-feira (3), pelo prefeito José de Freitas Cordeiro (PSDB), popularmente chamado de Zelinho, ao dar entrevista à Rádio Congonhas.
Nessa quarta-feira, Zelinho recebeu em seu gabinete o presidente da Companha de Saneamento, Carlos Eduardo Tavares,  junto com os diretores e representantes da empresa da região para fechar a parceria entre o município e a Copasa.
Segundo Zelinho, cerca de R$ 40 milhões serão investidos no saneamento básico de Congonhas pela Copasa. Se espelhando na cidade vizinha, Conselheiro Lafaiete, será construída uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). O processo de licitação para início das obras deve ser lançado nos próximos dias pela companhia e o Governo de Minas Gerais, porém ainda não sabe-se onde será construída a ETE da cidade.
Há anos a população de Congonhas pede um tratamento de água de maior qualidade e foi isso que o prefeito Zelinho destacou durante a entrevista à rádio local. “A gente sabe que o esgoto sem tratamento contamina os rios e afeta a saúde da população. Daí a importância de termos o esgoto tratado adequadamente. Mais de 40 milhões de reais é um investimento muito grande. Pedi também que as empreiteiras que irão fazer este serviço contratem trabalhadores de Congonhas. Nós, que várias vezes estivemos na Copasa pedindo que a companhia assumisse o abastecimento de água e tratamento de esgoto em Congonhas”, disse o chefe do poder Executivo municipal.
Veja também: Sine de Congonhas oferece 62 vagas de emprego nesta quinta-feira

COMENTE