Avatar
Rodolpho Bohrer
Rodolpho Julio Marci Bohrer é socio-fundador e diretor geral do Mais Minas. Estuda jornalismo na Universidade Cruzeiro do Sul e atualmente é repórter de política, cidades e loterias. Contato: [email protected]

USP começa a testar em animais potencial vacina brasileira contra Covid-19

Elton Alisson | Agência FAPESP – Pesquisadores do Instituto do Coração (InCor) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP) começaram a testar em camundongos formulações de uma potencial vacina contra a COVID-19.

O objetivo dos ensaios pré-clínicos é identificar um imunizante, em uma determinada formulação e concentração, capaz de induzir uma resposta rápida e duradoura do sistema imunológico dos animais. Tal feito possibilitará avançar para as próximas etapas da pesquisa, que é apoiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

“Já conseguimos desenvolver três formulações de vacinas que estão sendo testadas em animais. Em paralelo, estamos formulando diversas outras para identificar a melhor candidata”, diz à Agência FAPESP Gustavo Cabral, pesquisador responsável pelo projeto.

A estratégia utilizada para desenvolver a vacina é baseada no uso de partículas semelhantes a vírus (VLPs, na sigla em inglês de virus like particles).

Essas partículas possuem características semelhantes às de peptídeos e proteínas de vírus, como a de superfície do SARS-CoV-2 – chamada spike –, usada pelo novo coronavírus para se conectar a um receptor nas células humanas – a proteína ACE2 – e infectá-las. Por isso, são facilmente reconhecidas pelas células do sistema imune. Porém, não têm material genético do patógeno, o que as torna seguras para o desenvolvimento de vacinas.

A fim de permitir que sejam reconhecidas pelo sistema imunológico e gerem uma resposta contra o coronavírus, as VLPs são inoculadas juntamente com antígenos – substâncias que estimulam o sistema imune a produzir anticorpos. Dessa forma, é possível unir as características de adjuvante das VLPs com a especificidade do antígeno. Além disso, as VLPs, por serem componentes biológicos naturais e seguros, são facilmente degradadas, explica Cabral.

“Com essa estratégia é possível direcionar o sistema imunológico para reconhecer as VLPs conjugadas a antígenos como uma ameaça e desencadear a resposta imune de forma eficaz e segura”, afirma o pesquisador.

Este texto foi originalmente publicado por Agência FAPESP.

Leia mais

Covid-19: dados de 1/12 em Itabirito, Mariana e Ouro Preto

Os boletins epidemiológicos mais recentes dos municípios da Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais, referentes à pandemia do novo coronavírus, foram publicados nesta terça-feira...

Covid-19: dados de 30/11 em Itabirito, Mariana e Ouro Preto

Os boletins epidemiológicos mais recentes dos municípios da Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais, referentes à pandemia do novo coronavírus, foram publicados nesta segunda-feira...

Juiz de Fora vive pior momento da pandemia, aponta médico infectologista

Em uma entrevista exclusiva concedida ao portal da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), o médico infectologista do Hospital Universitário (HU), Rodrigo Souza,...

Artigos Relacionados

Covid-19: dados de 27/11 em Itabirito, Mariana e Ouro Preto

Os boletins epidemiológicos mais recentes dos municípios da Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais, referentes à pandemia do novo coronavírus, foram publicados nesta sexta-feira...

Covid-19: dados de 26/11 em Itabirito, Mariana e Ouro Preto

Os boletins epidemiológicos mais recentes dos municípios da Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais, referentes à pandemia do novo coronavírus, foram publicados nesta quinta-feira...

Covid-19: dados de 24/11 em Itabirito, Mariana e Ouro Preto

Os boletins epidemiológicos mais recentes dos municípios da Região dos Inconfidentes, em Minas Gerais, referentes à pandemia do novo coronavírus, foram publicados na última...

Covid-19: Médico do Hospital de Campanha de Ouro Preto implora para que população tenha mais cuidado

Um vídeo do Dr. Jonatas Barros - médico e diretor técnico do Hospital Campanha de Ouro Preto - circula nas redes sociais em que...