O que você procura?


Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item
Story Item

35 dicas para se dar bem em uma entrevista de emprego

Para se destacar e garantir uma colocação, preparamos um guia com muitas dicas que valem a pena serem seguidas à risca na hora de competir uma oportunidade de emprego. 

Elis Bohrer 23 de outubro de 2021 às 19:49
Tempo de leitura
12 min
Foto: Canva
Foto: Canva

Conseguir uma vaga no mercado de trabalho está cada vez mais difícil, pois além de um número reduzido de oportunidades, a maioria das empresas exige experiência profissional comprovada e indicação. Ainda assim, mesmo cumprido todos os requisitos solicitados é preciso se dar bem em uma entrevista de emprego, o que para muitos pode ser considerada a parte mais difícil desses processos de contratação.

Existem algumas maneiras de facilitar a conversa entre o empregador e o candidato a vaga. Para isso o candidato deve estar bem preparado, tranquilo e com uma boa dicção.

Contudo para se destacar mesmo e garantir uma colocação, preparamos um guia com muitas dicas que valem a pena serem seguidas à risca na hora de competir uma oportunidade de emprego. 


Tipos de entrevista de emprego 

Antes de acessar essas valiosas dicas precisamos compreender que há diversas maneiras de participar de entrevistas de emprego. São elas:

– Entrevista de emprego presencial: com empregador e candidato.

– Entrevista de emprego presencial coletiva: com diversas pessoas da empresa e vários candidatos.

– Entrevista de emprego online: através de aplicativos de vídeo, podendo ser coletiva ou individual.

– Entrevista de emprego com psicólogo: com avaliação técnica psicológica.

– Entrevista de emprego com testes de aptidões: são aplicadas provas de conhecimentos específicos de interesse da empresa. 

Tutorial de como ter sucesso em uma entrevista de trabalho – 35 dicas

Para quem foi convocado para uma entrevista de emprego a pressão pode parecer muito grande, afinal, conseguir trabalhar muda uma vida e até mesmo de uma família. Por isso esse processo é tão importante na vida de uma pessoa e pode gerar complicações psicológicas relacionadas à expectativa e até medo de não ser aprovado e se frustrar consigo mesmo e com os outros.
Este guia prático foi desenvolvido com três etapas: a pré-entrevista, que é o período que antecede a entrevista, a entrevista e a pós-entrevista.

Pré-entrevista

1) Descanso

Dormir bem a noite que antecede a entrevista é importante para que o candidato esteja física e mentalmente bem disposto durante a conversa.

2)  Alimentação

Opte por uma alimentação mais leve evitando o excesso de alimentos gordurosos, carboidratos e doces. Contudo é importante ter proteína na dieta.

3) Pesquisas

Conheça a fundo a empresa que você pretende trabalhar, sendo assim separe um tempo para pesquisar sobre o seu possível futuro local de trabalho e seus gestores. Sem dúvida você pode surpreender o entrevistador apontando também este conhecimento, além dos demais.

4) Treinar as palavras

É claro que em uma entrevista de trabalho há muitas perguntas que o entrevistado vai desconhecer, entretanto há questões que são “clichês”, como: qual é o seu maior defeito e qualidade? A resposta para estas e outras é possível decorar.

5) Não criar expectativas desproporcionais

Quando criamos grandes expectativas quanto a qualquer coisa, principalmente relacionadas ao trabalho, estamos nos sujeitando também a grandes frustrações. Por isso é preciso refletir sobre o processo empregador e se questionar, “quantas pessoas devem participar?” “quantas estão bem preparadas”, “embasado no meu currículo estou realmente apto para essa função”? As respostas para essas questões podem contribuir para o candidato se orientar quanto a sua posição e compreender que haverá outras pessoas igualmente interessadas na vaga e dispostas a tudo para conseguir. Logo, receber um não nestes momentos pode não significar tanta coisa quanto parecer.

6) Vestimenta

Preparar um look compatível com a ocasião pode levar um bom tempo. Contudo não desdenhe do poder de convencimento de uma vestimenta. O ser humano se comunica de diversas maneiras, pela fala, gestos, olhares, inclusive através das roupas.

7) Higiene

A higiene pessoal em si já é muito importante para o dia a dia, pois além de manter o ser humano sempre asseado, evita uma série de doenças como a proliferação de fungos, bactérias, cáries nos dentes, caspas nos cabelos, entre outros.

8) Currículo

Mesmo que o candidato já tenha entregado ou enviado por e-mail o seu currículo à empresa, é importante que no dia da entrevista ele leve uma cópia. Desta maneira, caso seus dados tenham se perdido, ele poderá oferecer ao recrutador esta opção.

9 )Evite exageros

Está dica vai principalmente para as mulheres que gostam de usar maquiagem. Muitas vezes menos é mais. Uma sombra carregada ou um batom muito escandaloso pode prejudicar a imagem da mulher durante uma seleção. Infelizmente ainda vivemos em uma sociedade em que mulheres que ousam demais nas roupas e maquiagens são mal vistas. Se a candidata pretende usar cores mais fortes, melhor que deixe para fazê-lo depois de conseguir a vaga.

10) Controle da respiração

O nervosismo altera os batimentos cardíacos e consequentemente a respiração. Hoje na internet é possível encontrar diversos tutoriais para o controle da respiração. É importante separar algumas horas no dia para fazer essa terapia, independentemente da entrevista, controlar a respiração faz muito bem.

Entrevista 

Foto: Canva

11) Educação

A educação abre portas. Ao chegar no local onde vai ocorrer a entrevista é importante cumprimentar todos os funcionários pelo menos com um bom dia, ou boa tarde, ou boa noite. As palavras mágicas “por favor” e “obrigado” nunca saem de moda, devem ser usadas à vontade.

12) Não se atrase

Se atrasar em uma entrevista de emprego pode causar a impressão de que o candidato está descompromissado.

13) Perfume

Não exagere no perfume, algumas pessoas são alérgicas e outras podem não apreciar.

14) Postura

Conforme já descrevemos aqui, nos comunicamos através de gestos, por isso manter uma postura confiante, porém não arrogante é importante.
Há outros gestos que podem facilitar a comunicação, se levantar e cumprimentar o recrutador com um aperto de mão e olhando no espaço que há entre os olhos dele, por exemplo, é uma maneira de você dizer que está muito disposto a trabalhar e que você é uma pessoa firme.

15) Contato visual

Dispersar demais o olhar durante uma entrevista pode passar a sensação de que o entrevistado é uma pessoa desatenta e detraída. Por isso, manter o contato visual com o recrutador é uma dica importante para se seguir durante uma entrevista de emprego.

Evite olhar para suas próprias mãos e acariciar objetos e cabelos. Passe a informação visual de que você está muito interessado no que o empregador está dizendo.

16) Lado correto para olhar

Quando respondemos uma pergunta olhando para cima e para direita, estamos informando que precisamos pensar muitos para responder algo. Pois o lado direito do cérebro humano é responsável pela intelectualidade e quando estamos seguros sobre o que sabemos não precisamos forçar muito a mente para responder.

17) Imitação 

O jogo da imitação pode dar certo se o recrutador for uma pessoa muito vaidosa. Geralmente esse tipo de pessoa gosta de se ver nas outras, por isso, absorver e imitar os seus gestos pode criar uma familiaridade entre recrutador e candidato e uma fluidez na conversa, indicando concordância entre ambas as partes sobre o que está sendo dito. Isso pode contar como ponto positivo na hora da decisão.

18) Gestos

Ombros caídos, mãos fechadas, cruzamento dos braços e pernas, mãos nos quadris e sentar-se de qualquer maneira são gestos que devem ser evitados ao longo de uma entrevista.

19) Profissionalismo

Espere o recrutador perguntar para poder responder, não saia atropelando a conversa, isso pode demonstrar ansiedade e despreparo. Ao responder uma pergunta mantenha a postura reta e use o vocabulário formal, evite gírias ou brincadeirinhas, evite também o excesso de gesticulação. Contudo não tenha medo, você não cometeu nenhum crime e não está em um tribunal, embora esteja sendo avaliado.

20) Autenticidade

Com tantas dicas o candidato pode se encontrar perdido, ou acreditar precisar estar sério e ereto o tempo inteiro feito um robô. Esta não é a intenção. Em uma entrevista de emprego é preciso demonstrar profissionalismo sim, ademais disso, autenticidade.

Ser autêntico é deixar sua marca, é passar a sua mensagem. Todos somos diferentes, quais são os seus diferenciais? Pense nisso e em como você pode expor para o contratante isso.

21)Dúvidas

Deixe suas dúvidas para o final da conversa. Não interrompa a entrevista perguntando alguma coisa. Antes de você querer conhecer a empresa ou o trabalho pretendido, o recrutador precisa te conhecer. Lembre-se que quem está sendo avaliado é você e não a empresa, do contrário não deveria nem ter enviado seu currículo.

22) Pressa

A pressa é a inimiga da imperfeição. Não agende nenhum compromisso para depois da entrevista, do contrário você poderá ficar preocupado com o horário e transparecer essa sensação ao recrutador que ao perceber sua pressa pode te desclassificar.

Muitas empresas gostam de conhecer bastante uma pessoa antes de contratá-la.

23) Passado

É feio e pode causar a impressão de que você é uma pessoa ingrata se ficar falando mal do último emprego ou chefe. Comunique que houve desentendimento no último emprego somente se for perguntado. Se for possível, evite dar detalhes. 

Jamais repassar informações confidenciais da empresa que você trabalhou é antiético.

24) Entusiasmo

Não deixe de expor para o entrevistador o quanto você está entusiasmado em conseguir e para trabalhar neste novo emprego. 

25) Sinceridade

Quem fala a verdade não merece “castigo”, já dizia o antigo ditado. Não tente ocultar que você está participando de outros processos seletivos. Ou que você está insatisfeito com o emprego atual. Se for indagado, fale sempre a verdade.

26) Salário

Ao contratar novos funcionários, muitas empresas podem perguntar qual é a pretensão salarial ou qual foi a última remuneração.

O salário é uma parte importante de um trabalho, tanto para quem paga como para quem recebe. Por isso é importante investigar o valor de mercado para o cargo pretendido. Desta maneira o candidato não corre o risco de se superestimar ou subestimar sua prestação de serviço.

De maneira alguma minta sobre o seu último salário, mesmo se pretender receber um valor superior ao antigo.

27) Desligue o celular

Foto: Canva

Pode parecer óbvio escrever isso, mas muitas pessoas deixam o celular ligado durante uma entrevista de emprego, o que é visto como falta de profissionalismo. Mesmo com o celular na função vibrar o silenciar o aparelho vai dar um sinal de vida caso alguém enviar mensagem ou ligar. Evite esse constrangimento mantendo-o desligado.

28) Conversas paralelas

Ao responder uma pergunta seja profissional, evite conversas paralelas sobre sua vida pessoal. Uma entrevista não é o ambiente ideal para contar casos ou curiosidades sobre você ou sua família e nem para perguntar sobre a vida pessoal do recrutador. Tenha senso crítico.

29) Troca de mensagens

Evite conversar por mensagens no celular, mesmo que o contratante peça licença para resolver algum assunto da empresa é deselegante que ele retorne e encontre uma candidato trocando mensagem ou rindo de uma publicação das redes sociais. Uma empresa não é lugar para diversão online, contudo um ambiente sério de trabalho. 

30) Indicações

Não deixe de levar anotado os telefones e nomes dos seus ex-chefes, essas serão informações úteis que podem acelerar o processo de sua contratação caso o empregador solicite referências.

31) Finalização

Mantenha a postura até sair do prédio onde ocorreu a entrevista. Seus movimentos podem estar sendo monitorados através de câmeras de segurança.

Pós-entrevista

32) Agradecimento

Envie um e-mail agradecendo a oportunidade de poder conhecer a empresa. Salientando que você está ciente dos prazos para o resultado final.

33) Aguarde o prazo

Evite entrar em contato antes do prazo estipulado para o resultado final da seleção, pois você estará se demonstrando uma pessoa impaciente e isso não é bom, lembre-se que a entrevista acabou, mas você vai continuar sendo avaliado até que o processo termine.

Não é de bom tom parecer estar apressando um empregador. Considere que processos seletivos são realizados de maneira manual e humana, por isso pode inclusive haver atrasos. Aguarde pelo menos dois dias após o vencimento do prazo, pois atrasos podem acontecer.

34) Reflita

Tire alguns minutos para pensar no que você falou de positivo e onde precisa melhorar no sentido de uma entrevista de emprego. Caso você seja desclassificado, você vai tirar pelo menos um bom proveito da experiência.

35) Feedback da empresa

Foto: Canva

Se você recebeu uma resposta negativa quanto a seleção não fique questionando ou retribua a empresa com xingamentos, pois desta maneira você pode fechar uma porta que futuramente pode se abrir para você novamente e com maior facilidade, afinal já será conhecido pela empresa.

É natural que em um primeiro momento a revolta tome conta de um candidato que não foi aceito para uma vaga de emprego, pois diversas questões estão imbuídas nisso, a necessidade pode ser a principal. Contudo não vale a pena “queimar o seu filme” por causa de uma experiência negativa.

Além do mais, o entrevistado, com toda educação, pode perguntar o motivo de sua desclassificação. O que servirá como um bom retorno para o aprimoramento de suas técnicas.

Antes de se candidatar a uma vaga de emprego o profissional deve ler atentamente todas as informações que estão no anúncio da oportunidade, isso pode evitar desentendimento ao longo do processo seletivo.

ATENÇÃO: Ao copiar uma matéria do Mais Minas, ou parte dela, não se esqueça de incluir o link para a notícia original.

Última atualização em 29 de outubro de 2021 às 20:47