Ultimate magazine theme for WordPress.

Gerdau abre edital de incentivo à cultura mineira e convoca artistas a criar arte usando o aço

Gerdau, maior empresa brasileira produtora de aço, acaba de lançar uma iniciativa que reforça seus laços com o estado de Minas Gerais e os municípios mineiros em que está presente. Em comemoração aos seus 120 anos, a empresa abre hoje o Edital Arte em Aço Gerdau, um projeto inédito que visa enaltecer a história de 300 anos do estado e legados importantes, como as suas riquezas minerais, a cultura e a pluralidade de ser mineiro.

Por meio do Edital serão selecionadas e patrocinadas nove propostas culturais, na área de artes visuais, com valor de até R$ 265 mil, em recursos próprios e incentivados por meio da na Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais (LEIC-MG).

Campanha Unimed

A inscrição é gratuita e já está aberta pela plataforma Prosas. Os interessados têm até às 18h (horário de Brasília) do dia 16 de abril para se cadastrarem pelo endereço eletrônico: http://editalarteemacogerdau.prosas.com.br. A divulgação do resultado dos projetos selecionados será no dia 28 de maio de 2021.

Os artistas participantes contarão ainda com uma consultoria gratuita da Através – Gestão Cultural, empresa especializada no mercado cultural, para apoio nos trâmites de elaboração, inscrição e aprovação dos projetos no mecanismo da LEIC-MG.

Obras de arte em espaços públicos

A valorização e o reconhecimento da diversidade das artes visuais em Minas Gerais, com olhar voltado para a comunidade, são pontos relevantes do Edital. As nove propostas serão selecionadas por meio de votação popular e serão instaladas em espaços públicos de amplo acesso e visibilidade, como museus, centros culturais, praças ou parques dos municípios onde estão localizadas as principais operações da Gerdau em Minas: Barão de Cocais, Congonhas, Conselheiro Lafaiete, Divinópolis, Itabirito, Ouro Branco, Ouro Preto e Três Marias, além de Belo Horizonte, que terá a obra instalada no MM Gerdau – Museu das Minas e do Metal, passando a fazer parte do acervo público deste equipamento cultural.

“Minas Gerais tem grande protagonismo na história de 120 anos da Gerdau. Por isso, este edital chega como uma forma de reconhecer e incentivar manifestações artísticas que reforcem a riqueza cultural construída em 300 anos de história do estado. A ideia de presentear as cidades com essas esculturas tem o intuito de ampliar o contato da população com a história de Minas Gerais por meio da arte”, explica o diretor de Mineração e Matérias-Primas da Gerdau, Wendel Gomes.

Membro da comissão curatorial do projeto, o renomado arquiteto Gustavo Penna, que também possui um expressivo trabalho com o aço, exalta a iniciativa. “Temos em Minas uma forte cena de artistas que têm no aço a matéria-prima para suas obras. Nesse cenário, além de resgatar esse olhar para a arte em aço, a iniciativa vem como um incentivo aos artistas, que estão sofrendo com a falta de projetos. Indo além, promove ainda a conexão democrática entre a sociedade e a cultura, levando para essas nove cidades uma convivência maior com o ‘fazer artístico’, com aquilo que propõe as artes”, ressalta Penna.

Inscreva-se para RECEBER diariamente uma lista com as nossas principais notícias. É GRATUITO!

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.

COMENTÁRIOS