Diga-me com quem andas e lhe direi quem és

As pessoas com quem convivemos compõem nossa rede social. E essa rede impacta na aquisição dos mais diversos hábitos.

O convívio constante faz com que as práticas rotineiras sejam compartilhadas, dessa forma, amigos com hábitos saudáveis tendem a contagiar os próximos com seus costumes, por exemplo, quando se alimentam juntos e pela observação ocorre a imitação das escolhas alimentares, além disso, quando uma das partes é fisicamente ativa é comum que surja o incentivo à prática regular de atividade física que pode ser feita em conjunto, havendo assim um estímulo mútuo por meio da companhia para a prática.

Do mesmo modo que o nosso círculo social pode influenciar positivamente na nossa saúde, também pode prejudicar nossos hábitos, como por exemplo, o consumo de alimentos não saudáveis. Existem estudos que indicam que a chance de nos tornarmos obesos é maior quando alguém do nosso convívio familiar ou de amizades apresenta-se muito acima do peso.

As conexões que fazemos ao longo da vida têm grande influência nos costumes que adquirimos, por isso é importante que saibamos nos rodear dos melhores exemplos, bem como fazer a nossa parte para que tendo hábitos saudáveis possamos servir de espelhos e assim disseminar qualidade de vida.

Comentários estão fechados.