EducaçãoEspecial Acordo OrtográficoExclusiva

Especial Acordo Ortográfico #2: alfabeto, nomes próprios estrangeiros e letra “H”

A segunda publicação da série “Especial Acordo Ortográfico”, produzida semanalmente pela equipe do Mais Minas, baseado no e-book criado por meio de seu social media e colunista, João Paulo Silva, tratará de três temas: alfabeto, nomes próprios estrangeiros e seus derivados, e letra “H”. Para ver a primeira matéria da série, clique aqui. Se deseja acessar o decreto que promulgou o acordo, basta clicar aqui.

O e-book “Novo Acordo Ortográfico da língua portuguesa: o que você precisa saber”, completo, estará disponível para download ao final de cada matéria. Os textos sairão todas as terças-feiras, às 16h.

Sem mais delongas, vamos ao português:

Alfabeto

O alfabeto da língua portuguesa passou a ter oficialmente 26 (vinte e seis) letras, cada uma delas com uma forma minúscula e outra maiúscula. Veja no quadro abaixo:

a A (à) j J (jota) s S (esse)
b B (bê) k K (capa ou ká) t T (tê)
c C (cê) l L (ele) u U (u)
d D (dê) m M (eme) v V (vê)
e E (é) n N (ene) w W (dáblio)
f F (efe) o O (ó) x X (xis)
g G (gê ou guê) p P (pê) y Y (ípsilon)
h H (agá) q Q (quê) z Z (zê)
i I (i) r R (erre)

Além destas letras, usam-se também o ç (cê cedilhado) e os dígrafos rr (erre duplo), ss (esse duplo), ch (cê-agá), lh (ele-agá), nh (ene-agá), gu (guê-u) e qu (quê-u).

A saber: DÍGRAFO é o grupo de duas letras que representam um só som, como, por exemplo: rr, ss, ch, lh, nh, gu e qu.

Especial Acordo Ortográfico #2: alfabeto, nomes próprios estrangeiros e letra "H"
A utilização das letras “k”, “w” e “y” sempre deixou dúvidas quando o assunto era o alfabeto da língua portuguesa – Crédito da imagem: Pixabay

Nomes próprios estrangeiros e seus derivados

As letras k, w e y usam-se nos seguintes casos especiais:

  1. Em abreviaturas e símbolos de uso internacional, como: km (quilômetro), kg (quilograma), k (potássio) e kw (quilowatt);
  2. Em palavras estrangeiras não-aportuguesadas, como WC (abreviação de Water Closet – quarto reservado para verter água. Mictório);
  3. Em nomes próprios estrangeiros e seus derivados: Wagner, Washington, Kant;

O emprego da letra “H”

A letra “H” (agá), seja no início ou no fim de palavras, não possui valor fonético; conservou-se o símbolo, por força da etimologia e da tradição, ou seja, pela origem da palavra. Emprega-se o H nas seguintes situações:

O “H” inicial deve ser utilizado em questões de decorrência etimológicas:

– HOJE: palavra de origem latina, caracterizada pela palavra hodie;

– HORIZONTE: palavra de origem grega relativa a orizon;

– HIATO: do grego hiatus.

A saber: Bahia, o nome do estado nordestino, é grafado com “h”, porque antigamente a letra era utilizada para indicar o hiato (encontro de duas vogais que pertencem a sílabas diferentes: bahia, sahida, jahu). Quando o uso do “h” foi abolido e o hiato passou a ser indicado pelo acento (baía, saída, jaú), o estado da Bahia manteve a grafia tradicional. No entanto, as palavras que são derivadas do nome do estado são grafadas sem o “h”: baiano, baianidade.

Especial Acordo Ortográfico #2: alfabeto, nomes próprios estrangeiros e letra "H"
A letra H não possui valor fonético – Crédito da imagem: Pixabay

Chegamos ao fim da segunda matéria da série “Especial Acordo Ortográfico”. Na próxima semana falaremos do curioso trema (¨) e de maiúsculas e minúsculas. Fique ligado no site! E para baixar o e-book “Novo Acordo Ortográfico da língua portuguesa: o que você precisa saber” completo, em formato PDF, basta clicar no título abaixo.

Novo Acordo Ortográfico da língua portuguesa – o que você precisa saber

Deixe seu comentário

Etiquetas
Mostrar mais
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar