Avatar
Rodolpho Bohrer
Rodolpho Julio Marci Bohrer é socio-fundador e diretor geral do Mais Minas. Estuda jornalismo na Universidade Cruzeiro do Sul e atualmente é repórter de política, cidades e loterias. Contato: comunicacao@maisminas.org

Quais são as probabilidades do Atlético vencer o Brasileirão?

Sem vencer um Campeonato Brasileiro desde 1971, o Atlético bateu várias vezes na trave nas últimas décadas por diversos motivos. Não por coincidência, o Galo é um dos clubes que mais chegou entre os quatro primeiros colocados em toda a história do Campeonato Brasileiro. Durante alguns anos, o Atlético chegou inclusive a figurar entre os primeiros colocados no ranking de clubes da CBF.

Para tentar quebrar o tabu que já dura quase 50 anos, a diretoria conta com ajuda de grandes parceiros e resolveu investir na contratação de um dos melhores treinadores do continente sul-americano, o argentino Jorge Sampaoli.

Uma das condições exigidos pelo treinador argentino ao assinar o contrato com o Galo foi a chegada de algumas peças para reforçar o elenco do time. Sendo assim, o Atlético foi ao mercado de transferências e contratou alguns atletas que Sampaoli pediu, como Léo Sena (volante), Marrony (atacante), Keno (ponta-esquerda), Junior Alonso (zagueiro), Alan Franco (meia) e Mariano (lateral-direito), que chegou recentemente ao galo após 12 anos na Europa.

Porém, se depender das probabilidades matemáticas, o Galo está como um azarão na briga pelo troféu de campeão brasileiro. Isso porque sites de futebol bets como o da Betway Esportes, apontam que o Atlético tem 2,9% de chances de conquistar o Brasileirão da Série A.

Nessa corrida pelo título, o favorito nas prévias é o atual campeão Flamengo, que tem 50% de chances de conquistar o troféu nacional mesmo após a saída do técnico Jorge Jesus. O segundo postulante ao título é o Palmeiras, com elenco recheado e 25% de probabilidade de vencer o título.

Estilo de jogos de Sampaoli é uma das principais armas do Galo para o Brasileirão

Com grande experiência internacional, Sampaoli já treinou as seleções da Argentina e do Chile em Copas do Mundo e também trabalhou no Sevilha, equipe da primeira divisão do futebol espanhol. Seu principal resultado na carreira foi ter conduzido a seleção chilena à conquista da primeira Copa América de sua história.

No ano passado, Sampaoli trabalhou à frente do Santos e levou a equipe da Baixada Santista ao vice-campeonato brasileiro. Mesmo com um elenco inferior ao de alguns rivais que ficaram atrás do Santos na tabela de classificação, como Palmeiras e Grêmio, o técnico argentino conseguiu fazer que o clube paulista jogasse em altíssimo nível em 2019, com direito a goleada de 4 a 0 sobre o campeão Flamengo na última rodada.

Treinador de estilo ofensivo e adepto da “escola Marcelo Bielsa”, Sampaoli é um dos poucos treinadores na América do Sul que conseguem fazer que as equipes joguem um futebol similar ao que é praticado na Europa. Ou seja, com alto nível de intensidade e fluidez tática.

Em uma mesma partida os times treinados pelo argentino são capazes de alternar diferentes formações táticas, algo que confunde o encaixe da marcação adversária e resulta em maior controle das ações do jogo. Além disso, Sampaoli gosta de se defender com a posse de bola.

Logo na sua chegada ao Atlético, Sampaoli destacou alguns pontos importantes na sua forma de trabalhar. “Há muitos times por aí que priorizam o jogo sem bola, nós priorizamos a posse, tentando fazer um jogo mais bonito de se ver. Cabe a nós descobrir como ter um time extremamente ambicioso”, disse o treinador, em entrevista coletiva na Cidade do Galo.

Galo pode focar no Brasileirão, enquanto outras equipes precisam dividir as atenções

Eliminado precocemente da Copa do Brasil e da Copa Sul-Americana no início do ano sob o comando do treinador venezuelano Rafael Dudamel, demitido pela diretoria em fevereiro, atualmente o Galo só tem o Brasileirão para se preocupar como competição importante.

Em contrapartida, os principais concorrentes diretos do Atlético ao título do Brasileirão, como Flamengo, Internacional, Palmeiras e Grêmio, estão vivos em outras competições e terão que se preocupar com a Copa do Brasil e com a Copa Libertadores da América, principalmente.

Dentro desse panorama é provável que essas equipes, em algum momento, tenham que poupar atletas no Brasileirão para priorizar as competições de mata-mata. O Grêmio, por exemplo, tem adotado muito essa prática nos últimos anos.

Sendo assim, o Galo poderá ter uma vantagem significativa sobre alguns de seus principais rivais no aspecto físico ao longo do Campeonato Brasileiro, já que pode destinar 100% de suas forças ao Brasileirão — que será disputado até fevereiro do próximo ano.

Leia mais

Atleticanos se casam na Arena MRV

Na tarde de ontem um casal de torcedores atleticanos entraram para a história do clube ao ser o primeiro a se casar na Arena...

Atlético bate o Botafogo e se mantém na liderança do Brasileirão

O Atlético não se deixou levar pelo retrospecto negativo diante do Botafogo e venceu a equipe carioca por 2 a 1 na noite desta...

Atlético x Botafogo: veja as notas dos jogadores na partida de hoje

Atlético e Botafogo se enfrentaram na noite desta quarta-feira (25), no Mineirão, em Belo Horizonte, e a partida terminou em 2 a 1 para o...

Artigos Relacionados

Atlético enfrenta adversário indigesto nesta quarta-feira (25)

Vivendo momentos opostos no Campeonato Brasileiro, Atlético e Botafogo se enfrentam nesta quarta-feira (25), no Mineirão, em partida válida pela 23ª rodada. Se por...

Atlético empata com o Ceará e retoma liderança do Brasileirão

Mesmo com muitos desfalques, o Atlético conseguiu conquistar um ponto diante do Ceará, em Fortaleza, e retomou à liderança do Campeonato Brasileiro. Com o...

Atlético escalado! confira o time que vai enfrentar o Ceará

Está definida a equipe do Atlético que vai iniciar a partida contra o Ceará, neste domingo (22), na Arena Castelão. O time, que será...

Jogo entre Ceará e Atlético será transmitido em TV aberta

Para voltar a liderar o Campeonato Brasileiro, o Atlético viajou para Fortaleza, onde vai enfrentar o Ceará, na Arena Castelão, em partida válida pela...