BrumadinhoMineraçãoNotíciasRompimento de barragem em Brumadinho

Ouro-pretanos estão entre os desaparecidos em Brumadinho

Na manhã deste sábado (26), o prefeito de Ouro Preto, Júlio Pimenta, publicou em suas redes sociais que está em Brumadinho dando apoio e “solidarizando com a população e familiares, neste momento de angústia e dor, devido a mais essa tragédia ocorrida em nosso Estado com o rompimento de mais uma barragem de rejeitos”.

Ainda de acordo com o prefeito, a busca é por informações de algumas pessoas desaparecidas que são de Ouro Preto ou que tem familiares na cidade. São eles:

– Bruno Eduardo Gomes
– Elis Marina da Costa
– Lúcio Mendanha
– Wenderson Ferreira Passos

“Se houverem outros nomes, favor informar, pois estamos acompanhando de perto as buscas”, destacou o prefeito.

  Aluno da rede municipal de Congonhas leva prata em atletismo e conquista feito inédito no jogos escolares

A equipe do Mais Minas conversou com Larissa Costa, de Cachoeira do Campo. Ela é irmã de Elis Marina da Costa, que está entre os desaparecidos. Segundo Larissa, a irmã foi contratada recentemente por uma empresa terceirizada da Vale. “Ela está lá há apenas duas semanas. Eu falei com ela pela última vez ontem, por volta de 9h45. Ficamos conversando por cerca de 40 minutos. O namorado dela ligou pra ela 12h24, foi o último contato que tivemos”, contou.

Elis Marina da Costa, ouro-pretana que ainda não entrou em contato com a família

Ainda de acordo com Larissa, o nome da irmã não consta na lista divulgada pela Vale. Ela ainda contou que um funcionário da equipe da irmã foi encontrado com vida e está internado no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte. “Essa é a nossa esperança. Estamos indo para Brumadinho acompanhar tudo de perto e ela pode estar sem comunicação. Quem tiver qualquer informação, por favor, nos informe”.

  Os desafios e oportunidades da mineração no Brasil é tema do III Encontro Nacional dos Municípios Mineradores

Sobre as barragens de Ouro Preto

No texto publicado nas redes sociais, Júlio Pimenta também fala sobre as barragens que estão em Ouro Preto.

“Para a barragem do Marzagão, em Saramenha de Cima, que é de responsabilidade da empresa Hindalco, foi inaugurado ano passado um grande e moderno filtro prensa dando outra destinação ao rejeito e com isso permitirá que a barragem seja desativada.

Já a barragem da Vale, no distrito de Antônio Pereira, foi feito ano passado vistorias e simulados de emergência, porém, diante dessa nova tragédia em Brumadinho, para termos mais segurança pretendemos garantir juntos aos órgãos competentes que essa barragem nunca seja alteada e se possível também que seja desativada”.

Fechar