Ultimate magazine theme for WordPress.

Após 10 anos, homem é condenado por tentar envenenar esposa em BH

Crédito da foto: TJMG/Divulgação

Um homem de 41 anos foi condenado a quatro anos e quatro meses de prisão, nessa terça-feira (26), por ter tentado envenenar sua esposa no Natal, em 2008. Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a tentativa de envenenamento ocorreu no dia 25 de dezembro, após a esposa ter recebido a ligação de um homem e o marido ter atendido. Sendo assim, o crime foi motivado pelo ciúme do marido, que disse que o homem da ligação procurava por sua companheira. A pena será cumprida em regime semiaberto.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, a ligação ocorreu no dia anterior ao crime, quando o homem ficou inconformado com a situação e discutiu com a mulher, partindo para agressão logo em seguida. No dia seguinte, ele envenenou a refeição da mulher com o veneno conhecido popularmente como “chumbinho”. No entanto, a mulher não chegou a consumir a refeição, pois a sobrinha identificou que estava envenenada.

Os jurados do Conselho de Sentença do Tribunal de Justiça reconheceram, por maioria dos votos, a tentativa de homicídio qualificado por emprego de veneno. Já o acusado, alegou em sua defesa que se arrependeu de entregar a refeição envenenada para a mulher e que ele mesmo ingeriu todo o alimento que seria entregue a ela, chegando a ser hospitalizado em consequência disso.

Diante da decisão da Justiça, o juiz Ricardo Sávio de Oliveira fixou a pena de 13 anos de reclusão, mas reduziu-a em 2/3 por não ter sido consumado o crime. Desse modo, ficou estabelecido também que a pena será cumprida em regime semiaberto. Assim, o acusado terá direito a aguardar em liberdade, até o fim de todos os recursos cabíveis.

Leia também: Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão em Congonhas e Lafaiete

Comentários do Facebook