Ainda sem técnico, Atlético estreia hoje no Campeonato Brasileiro

Sem técnico, eliminado precocemente da Libertadores e sem o título de campeão mineiro. É em meio a esse cenário de crise que o Atlético vai estrear hoje (27), às 19h, contra o Avaí, no Independência.  
Jogar em casa não vai ser um fator que vai pesar para o lado positivo do Galo. Foram vendidos pouco mais de 10 mil ingressos até ontem (26). Torcidas organizadas fizeram campanha na internet e  prometeram não ir ao jogo. Além disso, os torcedores vão recepcionar os atletas do lado de fora do estádio com protestos devido a má fase do clube.
E quando a fase não é boa, tudo parece conspirar para piorar. Três jogadores importantes para o bom desempenho do alvinegro continuam no departamento médico. Os zagueiros Igor Rabello e Réver e o meia Cazares, que não atuaram na derrota para o Nacional, do Uruguai, também não vão jogar na estreia do brasileirão.
Para o jogo, Geuvânio deve entrar no lugar de Maicon Bolt. Na zaga, Leonardo Silva e Iago Maidana voltam a atuar. O atacante Luan ainda é uma dúvida, mas caso não possa atuar, Vinícius será a opção de Rodrigo Santana.
Do lado do Avaí, o técnico Geninho não vai poder contar com o artilheiro do time, Daniel Amorim, lesionado. Apesar dos treinos da equipe terem sido de portões fechados, Getúlio deve ser o substituto no comando ofensivo.
Mesmo com o Atlético em uma má fase, Geninho não espera um jogo fácil e quer um time que marque forte, mas não deixe de atacar.
 

Ficha técnica- Atlético-MG X Avaí

Motivo: 1ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data e hora: Sábado, 27 de abril, 19h (de Brasília)
Local: Estádio Raimundo Sampaio  Belo Horizonte – MG
Provável escalação do Atlético: Victor; Guga, Léo Silva, Maidana e Fábio Santos; Adilson e Elias; Luan (Vinícius), Geuvânio e Yimmi Chará (Maicon Bolt); Ricardo Oliveira. Técnico: Rodrigo Santana
Provável escalação do Avaí: Vladimir; Iury, Marquinhos Silva, Betão e Paulinho; Mosquera, Matheus Barbosa (Luanderson) e Pedro Castro; João Paulo, Gegê e Getúlio. Técnico: Geninho
Transmissão: SporTV
Arbitragem: Rodolpho Toski. Assistentes: Bruno Boschilia e Victor Hugo dos Santos, todos do Paraná. VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ).

Comentários