Antonio Brandão
Antonio Brandão
Antonio Brandão é Professor de Educação Física (UFRJ), especialista em Treinamento de força (UFRJ) e Biomecânica (UFRJ). Atua na área de avaliação e preparação física.

Saiba quais os benefícios do exercício físico no controle da ansiedade

No ano de 2019, a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou dados em que foi confirmado que o Brasil é o país com mais pessoas ansiosas do mundo. São 18,6 milhões de indivíduos que sofrem com esse transtorno, o que corresponde a quase 10% da população brasileira. Considerando que o isolamento social é uma das variáveis que potencializam essa condição, é possível que essa porcentagem tenha aumentado nos últimos meses.

Caracterizado por preocupação excessiva, incerteza e sentimentos de medo em relação ao futuro, o transtorno de ansiedade generalizado vem sendo uma das principais queixas nesse período de pandemia. Além das mudanças repentinas e estresses induzidos por esse momento, é possível notar uma considerável mudança nos hábitos.

Má alimentação, baixa qualidade do sono, diminuição das relações interpessoais, sedentarismo e outros, são algumas das principais questões relatadas.

Quando associamos esses efeitos, nosso cérebro é afetado negativamente, e a produção dos principais neurotransmissores, que são relacionados à nossa boa saúde mental, é reduzida. Com essa redução, passamos a ser menos capazes de nos concentrarmos no hoje, nos atentando demasiadamente aos problemas.

Uma das formas para combater esse quadro, é com a prática regular de exercícios físicos. Quando estamos ativos, nossa prática diária é responsável pelo aumento da produção de alguns neurotransmissores e neuro hormônios ligados a boa função do nosso cérebro. Podemos citar, por exemplo, a dopamina, serotonina, endorfina e a anandamida. O interessante é que com essa produção aumentada, temos a redução dos níveis de cortisol e da atividade da amígdala, que é associada com os sentimentos de medo, raiva e preocupação. O exercício físico para esses casos funciona perfeitamente para que haja uma mudança de foco. O intuito é que seja treinado não apenas o seu corpo, mas a sua capacidade de se concentrar no presente.

Procure um professor de educação física habilitado para auxiliar na organização dos seus treinos e na mudança de seus hábitos. É importante lembrar que em casos graves, é necessária a procura de um especialista e recomendações médicas.

Leia mais

Crianças e adolescentes também podem fazer musculação?

Quando se trata de musculação na infância e adolescência, por muitos anos ficou estabelecido um mito que contra indicava tal prática para este grupo....

Confira os benefícios da musculação no envelhecimento

Sabemos que a musculação é uma das estratégias utilizadas para manutenção e melhora dos aspectos que englobam nossa saúde, aprimorando nossas qualidades físicas, reduzindo...

Três razões que comprovam que praticar musculação auxilia no emagrecimento

Quando pensamos no processo de emagrecimento, pensamos diretamente na prática de exercícios físicos e reeducação alimentar. Basicamente, essas são as primeiras mudanças que devemos...

Artigos Relacionados

Corrida: Saiba quais os cuidados necessários para a escolha do tênis

A corrida é considerada um esporte democrático por não exigir de muita infraestrutura para ser praticada. Um dos exemplos, é que o necessário é...

Corrida: Confira os benefícios do treinamento de força

Quando falamos de modalidades esportivas como a corrida, observamos que uma parte considerável de seus praticantes não são adeptos do treinamento de força muscular,...

Corrida: sabia porque você precisa de um treinador

Na última matéria, comentamos sobre alguns cuidados que devemos ter quando queremos iniciar no mundo da corrida. Falamos sobre diferentes tipos de avaliações que...

Corrida: Saiba como começar com segurança

A corrida é um dos esportes mais democráticos que existe. Precisamos de poucos detalhes para começar, e não precisamos dispor de um alto recurso...