Atlético

Tríplice Coroa? Tchê Tchê revela que Atlético orientou uso de outro nome

O Atlético é bicampeão da Copa do Brasil após vencer o Athletico-PR por 2 a 1, na Arena da Baixada, fechando em um placar agregado de 6 a 1. Assim, o Galo fechou o ano conquistando a trinca das principais competições nacionais: Campeonato Mineiro, Brasileirão e Copa do Brasil. Esse feito aconteceu apenas uma vez na história do futebol brasileiro, com o Cruzeiro em 2003. O clube celeste chegou a utilizar não só o nome “Tríplice Coroa” para se referenciar a tal feito e chegou a colocar uma coroa em cima do seu escudo no uniforme.

Porém, o time alvinegro parece que não vai fazer o mesmo. Ao final do jogo, o volante Tchê Tchê, em entrevista ao canal SporTV, revelou que o Atlético orientou os jogadores a utilizar o nome “Triplete Alvinegro” para referenciar as conquistas de 2021.

“Nós não podemos usar aquela outra. Para nós é ‘Triplete Alvinegro’. Fomos orientados”, brincou Tchê Tchê em entrevista ao canal SporTV.

A assessoria do Atlético ainda não se manifestou de forma oficial se utilizará o nome “Tríplice Coroa” e se vai usar a coroa em cima de seu escudo.

Polêmica da Tríplice Coroa

O termo “Tríplice Coroa” gera muita polêmica no meio do futebol brasileiro. Isso porque, para muitos, o termo deve ser utilizado para a equipe que conquista as principais competições que disputou no ano, assim como acontece no tênis e em outros esportes. Nesse caso, o time teria que ser campeão do Campeonato Brasileiro, Copa Libertadores e Mundial de Clubes, que são os torneios mais importantes que uma agremiação brasileira pode conquistar.

Por outro lado, há quem defenda que a “Tríplice Coroa”, em esportes, é um título não oficial dado a uma equipe ou esportista que conquista três importantes títulos, geralmente em sequência ou em uma mesma temporada. No caso do futebol brasileiro, as principais competições nacionais são: Estadual, Brasileirão e Copa do Brasil. Portanto, o Cruzeiro de 2003 e o Atlético de 2021 estariam dentro do critério para utilizar tal termologia.

Após a conquista do bicampeonato brasileiro, levantou-se a possibilidade de acrescentar uma segunda estrela no escudo do Atlético, o que dividiu opiniões entre os atleticanos. O técnico Cuca mesmo já declarou que é a favor do acréscimo da nova estrela, porém o clube estuda todas as possibilidades com muito cuidado, pois há membros da agremiação que pedem para manter apenas uma estrela, simbolizando o fato de ser o primeiro a conquistar o Campeonato Brasileiro, em 1971, e também a Massa.

Artigo atualizado em 19/08/2022 06:10

Rômulo Soares

Jornalista pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e repórter de política, esporte e cidades no Portal Mais Minas.