Técnico de Copa do Mundo e Champions League: conheça a carreira de Jorge Sampaoli, o novo técnico do Atlético

Treinador assume o alvinegro após demissão de Dudamel

O Atlético tem novo comandante. No último domingo (1), o Galo anunciou a chegada do renomado Jorge Sampaoli que, com mais de 20 anos de carreira, possui trabalhos reconhecidos na América do Sul, Europa e no mundo.
Nascido em 13 de março de 1960, o argentino iniciou sua carreira como jogador nas divisões de base do Newells Old Boys. Porém, por conta de uma grave lesão, se aposentou aos 19 anos.

Carreira como treinador

Jorge Sampaoli iniciou sua caminhada em pequenos times da Argentina, como Argentino de Rosário, Belgrano de Arequito e Alumni de Casilda. Em 2002, recebeu sua primeira oportunidade em um time conhecido no futebol sul-americano: o Juan Aurich-PER. Contudo, não se firmou e rodou por alguns clubes do continente, como Sport Boys-BOL, Sporting Cristal-PER e O’Higgins-CHI.
Em 2010, assumiu o Emelec, tradicional time equatoriano. Na equipe, fez boa campanha, participando da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana. Seu trabalho o credenciou à Universidad de Chile onde, de fato, Sampaoli teve sua carreira alavancada.

La U

No clube chileno, o comandante viveu dias de glórias. Com um verdadeiro esquadrão, a Universidad de Chile de Sampaoli venceu a Copa Sul-Americana de 2011, além de diversos torneios nacionais. Como se não bastasse, o trabalho do técnico revelou vários talentos que fariam parte da geração de ouro do futebol chileno, como Eduardo Vargas, Charles Aránguiz e Marcelo Díaz.

Seleção Chilena

Após o atuação em La U, Jorge Sampaoli assumiu o Chile no final de 2012. Por La Roja, montou a maior equipe da história do futebol nacional, vencendo, pela primeira em todos os tempos, a Copa América pelo país, em 2015. Ademais, fez bela Copa do Mundo em 2014, sendo eliminado pelo anfitrião Brasil, nas penalidades máximas.

Técnico de Copa do Mundo e Champions League: a carreira de Jorge Sampaoli, o novo técnico do Atlético
Sampaoli no Chile – Créditos da foto: Divulgação/Conmebol

Sonho europeu

Bem cotado pela grande passagem pelo Chile, o profissional foi contratado pelo Sevilla, grande time espanhol, em 2016, onde disputou a liga nacional e a Champions League. Na equipe da Andaluzia, foi eliminado nas oitavas de final da competição europeia, pelo Leicester City. Deixou o clube para treinar seu país natal, em 2017.

Seleção Argentina

A contratação de Sampaoli foi a última cartada dos dirigentes argentinos para levar o país à Copa do Mundo de 2018. Apesar de um rendimento ruim, lograram êxito e se classificaram ao mundial. Porém, a campanha não encheu os olhos e rendeu uma eliminação nas oitavas de final, para a futura campeã França.

Técnico de Copa do Mundo e Champions League: a carreira de Jorge Sampaoli, o novo técnico do Atlético
Messi e Sampaoli em ação na Copa de 2018 – Créditos da foto: FIFA/Divulgação

Santos e a retomada na carreira

Em baixa no mercado após a participação decepcionante na Copa de 2018, o técnico, surpreendentemente, foi anunciado pelo Santos no começo de 2019. No Peixe, superou diversos desafios, praticou um bom futebol e levou o alvinegro ao vice-campeonato brasileiro da última temporada.


A passagem pelo time paulista alçou Sampaoli, novamente, ao mercado da bola. Antes de acertar com o Atlético, havia negociado com Palmeiras e, inclusive, com o próprio Galo, mas naquele momento, não houve acordo.

Filosofia

Grande pupilo de Marcelo Bielsa, o novo comandante do alvinegro costuma prezar por equipes leves e ofensivas, priorizando uma saída de bola com qualidade. Além disso, costuma explorar muito a velocidade dos pontas de seus elencos.

Paciência

É preciso de o Galo dê tempo a Jorge Sampaoli, coisa que a equipe não vem dando a seus últimos treinadores.
Veja mais: Atlético precisa olhar para 2018 e 2019 para não entrar em um novo ciclo vicioso

Comentários estão fechados.