A primeira rodada da fase grupos da Copa do Mundo do Catar foi repleta de acontecimentos, e não se restringiu apenas a grandes atuações, como as de Brasil e Espanha. A zebra passeou solta pelo deserto catari, e preparou verdadeiras armadilhas para Argentina e Espanha.

No Grupo C, a Argentina foi derrotada de virada pela Arábia Saudita, na última terça-feira (26). A tetracampeã Alemanha, no dia seguinte, também foi derrotada após sair na frente, para o Japão. Pelo caráter curto no torneio, essas equipes já se encontram em situação delicada, assim como outras tradicionais seleções.

Grupo A

Com duas rodadas disputadas, o anfitrião Catar já foi eliminado, após perder para Holanda e Equador. Essas duas seleções, por sua vez, vivem momento mais confortável e só dependem de si para confirmar a vaga no mata-mata, já que lideram a chave com quatro pontos. Para passar, os sul-americanos só precisam empatar com Senegal, que tem três, enquanto a Holanda precisa confirmar o favoritismo contra o fraco time catari.

Grupo B

A Inglaterra teve um início fulminante ao bater o Irã por 6 a 2, mas decepcionou no segundo jogo e apenas empatou sem gols contra os Estados Unidos. Ainda assim, os ingleses lideram e devem passar na liderança. A última vaga está totalmente aberta, afinal, Irã (3 pontos), Estados Unidos (2 pontos) e País de Gales (2 pontos) estão vivos na jogada.

Na última rodada, a Inglaterra enfrenta País de Gales, enquanto Estados Unidos e Irã realizam confronto direto.

Grupo C

Mesmo com o vexame da estreia, a situação da Argentina não é dramática, já que Polônia e México empataram na estreia. Os hermanos precisam, praticamente, somente vencer os dois compromissos restantes para avançarem em primeiro lugar da chave. Porém, mexicanos e poloneses sonham com uma vaga nas eliminatórias e devem fazer jogos duros.

A surpresa da Copa do Mundo, Arábia Saudita, tem três pontos e necessita vencer apenas um dos jogos restantes para fazer história e ir ao mata-mata.

Grupo D

A França superou as lesões e bateu, com tranquilidade, a Austrália na estreia. O time de Didier Deschamps deve passar em primeiro lugar, já que a Dinamarca empatou com a Tunísia. Os nórdicos, por sua vez, decepcionaram na estreia e podem ficar de fora caso não vençam os dois duelos restantes. Tunísia e Austrália correm por fora.

Grupo E

Das grandes seleções da Copa do Mundo, a Alemanha é a que está na pior conjuntura. Com a derrota para o Japão, os tetracampeões serão eliminados caso percam para a Espanha, neste domingo (27), às 16h. Se a partida terminar empatada, o time se mantém respirando, mas com a ajuda de aparelhos.

Os espanhóis, por outro lado, massacram a Costa Rica na estreia e encaminharam a classificação, muito por conta do saldo de gols. No entanto, se a Alemanha bater a Espanha, a situação se embolará e tudo será definido na última rodada.

Alemães precisam dar a volta por cima
Alemães precisam dar a volta por cima – Foto: DFB_Team_EN

Grupo F

Mesmo com atuação ruim, a Bélgica bateu Canadá, enquanto Marrocos e Croácia apenas empataram. A atual vice-campeã do mundo pode ficar de fora do mata-mata, já que ainda enfrenta os belgas, que são favoritos. Além disso, o time canadense deixou boas impressões e podem complicar.

A tendência é que a Bélgica passe na liderança e que as outras três seleções lutem palmo a palmo pela segunda vaga.

Grupo G

Com grande atuação, o Brasil bateu a Sérvia, considerada segunda força do grupo, por 2 a 0. Já a Suíça bateu Camarões e, neste momento, encontra-se na segunda posição. Se nenhuma surpresa acontecer, a Canarinho avançará em primeiro lugar, e suíços e sérvios decidirão, de forma direta, o segundo classificado na rodada final.

Grupo H

Pela última chave, a grande decepção foi o Uruguai, que empatou sem gols contra a Coreia do Sul, em péssima atuação. Agora, a Celeste enfrenta Portugal e Gana, que são considerados mais fortes que os coreanos. Por isso, as chances do time bicampeão ficar de fora do mata-mata são reais.

Os portugueses, a trancos e barrancos, venceram os ganeses por 3 a 2, e deram importante passo rumo à sequência na Copa do Mundo. Mas todo o equilíbrio que cerca o grupo pode proporcionar muita emoção até os minutos finais.

Com veteranos, Uruguai decepcionou na estreia
Com veteranos, Uruguai decepcionou na estreia – Foto: @Uruguay

COMENTÁRIOS
Share.

Colunista de Esportes e estudante de Jornalismo na UFOP.